Bauza prevê jogo duro com Galo e cobra arbitragem à altura de decisão

O técnico Edgardo Bauza cobrou nessa terça-feira que o árbitro uruguaio Andrés Cunha tenha uma atuação à altura do jogo que São Paulo e Atlético-MG farão nessa quarta-feira, no estádio Independência, pelas quartas de final da Copa Libertadores. O treinador do Tricolor também analisou o confronto com o Galo e disse esperar uma partida de muita intensidade por parte do adversário. Os comandados do Patón venceram o primeiro duelo por 1 a 0, no Morumbi, e estão em vantagem na briga por uma vaga na semifinal.

“Nós queremos que o árbitro esteja à altura das circunstâncias. As duas equipes precisam do árbitro. Esperamos que ele tenha qualidade, faça uma boa partida, e que os atletas também tenham uma boa atuação. Será um jogo disputado”, afirmou Bauza, ao chegar com o restante da delegação são-paulina à cidade de Belo Horizonte.

As cobranças do Patón são feitas em um momento em que a arbitragem sul-americana está em evidência por conta de atuações na Libertadores. Antes da primeira partida entre São Paulo e Atlético-MG, o presidente tricolor Carlos Augusto de Barros e Silva, o Leco, disse que havia mandado uma representação à Conmebol devido a supostos erros cometidos contra o time.

Após a vitória do São Paulo, em um duelo marcado por dez cartões amarelos, foi a vez do Atlético-MG questionar a forma como o árbitro Wilmar Roldán administrou a partida. O presidente Daniel Nepomuceno classificou a atuação do juiz de “desastrosa” e ameaçou formalizar as reclamações na Conmebol.

Classificação – O Patón não se limitou a fazer comentários só sobre a arbitragem. Ele também comentou sobre a expectativa para o jogo e projetou uma partida muito dura para o São Paulo sair com a classificação à semifinal. O treinador comandará na tarde dessa terça-feira, às 19 horas (de Brasília), um treino de reconhecimento do estádio Independência para fazer os últimos ajustes na equipe que irá a campo. A atividade será com portões fechados.

“O Atlético-MG tem bons jogadores e o seu técnico sabe disputar o torneio. São bons atletas e isso será o principal problema que teremos. Nós também temos bons jogadores, faremos uma boa partida. Os torcedores do São Paulo sabem que daremos o máximo. Depois, veremos se classificamos”. concluiu.

 

Fonte: Gazeta Esportiva

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*


Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.