Bauza diz que poupará time titular do São Paulo 10 dias antes da semifinal

Faltam 44 dias para o São Paulo iniciar a disputa da semifinal da Libertadores contra o Atletico Nacional, da Colômbia. O jogo de ida, no Morumbi, só acontece no dia 6 de julho por causa da parada da competição para a disputa da Copa América Centenário, nos Estados Unidos.

O técnico Edgardo Bauza pretende dividir a preparação tricolor em dois períodos: usar o Campeonato Brasileiro para dar ritmo ao time titular, mas poupar os principais jogadores às vésperas do mata-mata.

–  Chegando 15 dias antes (da semifinal da Libertadores), vou fechar a equipe para prepará-la, porque vai ser duríssimo – disse o técnico ao canal Fox Sports.

– Ao menos 10 dias antes vou preservar os titulares, para poder trabalhar única e exclusivamente pensando na Libertadores. Não podemos ter lesões – completou Bauza.

Nesse período de 10 dias antes do primeiro jogo da semifinal, o São Paulo enfrenta Santos (26/6, fora), Fluminense (29/6, em casa) e Ponte Preta (3/7, fora) pelo Brasileirão.

Sobre desfalques, Bauza não contará com o zagueiro Rodrigo Caio e o lateral-esquerdo Mena pelo menos até o dia 15 de junho, quando termina a primeira fase da Copa América – eles defendem as seleções de Brasil e Chile, respectivamente.

Sobre lesões, a principal preocupação do técnico, o caso mais grave é o do volante Hudson, que, com um estiramento muscular na coxa esquerda, ficará fora por três ou quatro semanas. Michel Bastos também está fora por conta de uma lesão na coxa direita – não há previsão para a volta do meia.

O meia Ganso e o atacante Calleri preocupam por causa do desgaste da sequência de jogos. Cada time pode trocar cinco dos 30 inscritos na Libertadores antes das semifinais.

Veja as informações do São Paulo para a partida contra o Coritiba:

Local: Couto Pereira, em Curitiba
Data: quarta-feira, às 21h45 (de Brasília)
Escalação provável: Denis; Bruno, Lugano, Maicon e Matheus Reis; Thiago Mendes, Wesley, Kelvin, Ganso e Centurión; Calleri (Alan Kardec).
Desfalques: Wilder, Breno, Caramelo, Carlinhos, Mena, Michel Bastos e Hudson
Arbitragem: Marinelson Alves Silva (BA), auxiliado por Christian Passos Sorence (GO) e Leone Carvalho Rocha (GO)

 

Fonte: Globo Esporte

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*


Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.