Bauza cita tricampeonato brasileiro para minimizar saída de Ganso

Com a transferência de Paulo Henrique Ganso ao espanhol Sevilla consumada, o São Paulo perdeu seu principal armador, que vinha tendo justamente em 2016 sua melhor temporada com a camisa tricolor. O técnico Edgardo Bauza, no entanto, lembrou as glórias do passado recente do clube para minimizar a saída do camisa 10.

O Patón citou o tricampeonato brasileiro consecutivo do São Paulo – 2006, 2007 e 2008 – para relativizar a importância de um meia clássico, como é Ganso, dentro de um time campeão. Segundo o treinador argentino, o Tricolor daquele triênio não tinha um jogador com tais características. Por isso, confia no título em 2016 apesar de cobrar frequentemente reforços da diretoria.

“Entre 2006 e 2008, não sei como era o time completo do São Paulo, mas de certo que o time era forte mesmo sem um 10. Como somos fortes agora. Ganso foi importante, mas não dependíamos unicamente dele. O que estamos trabalhando é que a equipe tenha um funcionamento melhor”, analisou o técnico.

A campanha do tri, porém, foi possível graças a um forte elenco comandado por Muricy Ramalho, que tinha à disposição meias como Danilo, Jorge Wagner e Hernanes.

Fruto de um investimento de R$ 23,9 milhões, Ganso foi vendido ao Sevilla por 9,5 milhões de euros (cerca de R$ 34,8 milhões). Os direitos econômicos do jogador eram divididos entre São Paulo (32%) e Grupo DIS (68%), mas não houve uma confirmação da divisão de lucros com essa transferência.

Com o cofre do clube reforçado, o São Paulo irá atrás de reforços para essa posição que foi ocupada pelo peruano Christian Cueva no Majestoso do último domingo. Ytalo e Centurión também já atuaram como meias mais centralizados, mas não agradaram.

“Queremos mais dois para essa faixa para melhorar o time. Temos que defender essa história pesada e rica. Os atletas estão buscando isso e quem não se alinha a isso, sabe que vai sair da equipe”, afirmou Bauza.

Eliminado nas semifinais da Copa Libertadores da América, o Tricolor agora volta suas atenções para o Campeonato Brasileiro e Copa do Brasil, competições que o clube disputará até o final do ano. O próximo compromisso do São Paulo será o Grêmio, neste domingo, às 16 horas (de Brasília), em Porto Alegre, pela 16ª rodada da Série A, torneio em que ocupa a nona posição, com 22 pontos.

 

Fonte: Gazeta Esportiva

2 comentários em “Bauza cita tricampeonato brasileiro para minimizar saída de Ganso

  1. Um ponto ele tem razao nunca tivemos um meia de verdade como o ganso, logico que nao era um craque tipo zico, e etc, mas fazia sua funcao muitas vezes bem, e era prejudicado em o treinador fazer dele uma coisa que nunca foi seu ponto forte, a marcacao.
    Mas aquele time de 2006 a 2008 era um time guerreiro e tinha o ponto forte uma defesa bem solida e um goleiro que dispensava apresentacao, hj alem de nao termos um bom goleiro, so temos um bom zagueiro, tinhamos um meio de campo forte tb, hj temos um meio de campo meia boca, e um ataque enquanto tinhamos o calleri e kelvin eramos muito bom, sem eles nao somos nada.
    E seu paton nao sabe montar um time com que tem na mao, de jeito nenhum, nenhuma formação a nao ser aquela 4-3-2-1, nao sabe fazer outra, e pior o paton nao sabe usar a base de verdade, so coloca aqueles que ja se despontam e rendeu alguma coisa ele nao sabe testar usa=los em treinos para ver o que da, e po-los em jogos faceis com o time ganhando para ver no que dá, mas é o que temos e com ele que vamos ate ele aguentar sem jogador, para mim se ele receber uma outra proposta boa seja para dirigir a selecao argentina ou outro time ele vai embora.

  2. Gostei mais dessa “prosa” do que a entrevista aos argentinos. A de agora, a meu ver, desdiz a anterior e está mais condizente com o que se espera do pragmatismo do Paton: fazer do limão uma limonada. Com trabalho ele pode fazer um SP mais vencedor. Deveria começar por uma mudança tática, principalmente nos jogos em casa, priorizando ganhar e não apenas não perder: isto poderia fazer a diferença!!!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*


Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.