Basquete do São Paulo disputará próximo torneio da NBB

O São Paulo conquistou o direito de disputar o próximo torneio da NBB, principal divisão do basquete brasileiro. Após ser vice-campeão da Liga Ouro – perdeu a quinta e decisiva partida para a Unifacisa – , o Tricolor foi convidado a assumir a vaga do Joinville e pagará R$ 400 mil reais para isso, dividido em quatro parcelas de R$ 50 mil e dez de R$ 20 mil. O time também vai participar do Campeonato Paulista.

O São Paulo montou seu time este ano para disputar a Liga Ouro. Com investimentos que giraram em torno de R$ 700 mil (o previsto inicialmente era R$ 500 mil), o Tricolor alcançou o vice-campeonato, algo praticamente inédito na categoria: um time montar sua equipe e já chegar em condição de disputar o título.

Para disputar a NBB os investimentos devem ser maiores. De acordo com o Diretor Geral Social, Carlos Belmonte, serão necessários algo em torno de R$ 4 milhões para o São Paulo ter um time apto a brigar pelas primeiras posições.  Convenhamos, como escreveu o meu amigo Menon em seu blog, algo irrisório no universo do orçamento do clube, pois o Trellez custou 6 milhões de reais ao São Paulo.

Volei

Carlos Belmonte também confirmou o convênio firmado entre São Paulo e Barueri para disputar a divisão principal do Campeonato Brasileiro de Volei Feminino. A coordenação do projeto estará a cargo de José Roberto Guimarães, campeão olímpico com a Seleção Brasileira.

Além destas modalidades o São Paulo também investiu no futebol feminino, trazendo, entre outras, Cristiane para ser sua principal jogadoras. Tudo isso com investimentos baixíssimos que farão, num futuro muito próximo, o Tricolor se destacar nestas três modalidades olímpicas.

Só falta o futebol engrenar. Mas aí…são outros quinhentos.

 

Paulo Pontes

 

3 comentários em “Basquete do São Paulo disputará próximo torneio da NBB

  1. Acabaram, simplesmente com nossas raizes, transformaram nosso SPFC, nesse timeko horrivel, insignificante e com tendencia a piorar ainda mais. Parabens diretoria di mierda. Voces nao se enxergam, liquidem esse spfc que e melhor, ficaremos so com as recordacoes, nao com a vergonha atual.

  2. Sou favorável ao basquete profissional no SPFC.
    – O Clube social e esportes amadores tem a contabilidade separada em unidades de negócio e recursos de um lado não são utilizados para cobrir despesas de outro.
    – O Clube contratou Joao Fernando Rossi, ex presidente da LNB (NBB), para a Diretoria de Marketing – uma pessoa do meio que deve trazer patrocínios em valor suficiente para que tenhamos uma equipe de alto nível e sustentável.
    – Acompanhei atentamente a campanha na Liga Ouro e o trabalho parece que vem sendo feito com muita competência e sem gastos exagerados.
    – Com a exposição em TV e outras mídias faremos a marca São Paulo F.C. chegar a outros públicos.
    A crise financeira pela qual passamos é resultado da incompetência na gestão do futebol, e não causada por despesas no Clube ou Estádio.
    Equipes como Franca, Bauru, Brasilia, Minas Tênis, Mogi das Cruzes, São José dos Campos, além de Paulistano e Pinheiros são clubes que mantém basquetebol competitivo de alto nível há décadas de maneira sustentável.
    Somos grandes e temos o potencial para gerar os recursos necessários para o basquetebol sem sangrar nosso debilitado time de futebol.
    Torço por um Tricolor campeão no campo e na quadra, com o pé e com a mão.

  3. Investimentos…??? Diz o bom senso, que se deve investir quando existe $$$ sobrando. Investir, devendo o que se deve, é INSANO… e só serve para massagear o ego de alguns diretores, loucos por notoriedade.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*


Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.