Artilheiro, Gilberto ignora reserva de Pratto: “Reclamar para quê?”

O centroavante Gilberto chegou à impressionante marca de 10 gols em 13 jogos disputados com a camisa do São Paulo na tarde deste sábado, comandando a vitória por 5 a 0 sobre o Linense, no estádio do Morumbi. Autor dos tentos que abriram e fecharam o placar, além de uma assistência para o primeiro do meia Thomaz pelo Tricolor, o artilheiro são-paulino da temporada ignorou a condição de reserva no clube para exaltar sua felicidade.

“Estou muito feliz e sou privilegiado de estar aqui dentro. Reclamar para que, cara?”, comentou o jogador ao ser questionado pelo fato de Lucas Pratto, mesmo com números inferiores (o argentino anotou apenas cinco vezes desde que foi contratado pelo clube do Morumbi), ser considerado o dono da posição no ataque. Sorridente, ele fez questão de reconhecer a titularidade do companheiro.

“O Pratto é um jogador de seleção, tenho um carinho e respeito grande por ele. Posso dizer que me espelho nele para também chegar um dia na Seleção, esse é o meu objetivo”, avaliou o atleta, colocando o técnico Rogério Ceni, que teve passagem pela Seleção Brasileira quando era jogador, como outro exemplo para seguir na busca pelo sucesso na carreira.

“Estamos felizes, trabalhando, seguimos confiantes no trabalho do Rogério. Me espelho nele e no Pratto para subir de produção e chegar em algo maior. Eu já tive alguns inícios bons, mas acho que, por estar num lugar fantástico, está sendo diferente”, bradou o jogador, que teve a postura valorizada pelo comandante.

“Eu fico impressionado que, no ano passado, nem queriam ele aqui”, alfinetou Rogério, mostrando-se confiante na distribuição de minutos aos atletas tricolores. “Se ele tem 10 gols na temporada é porque algum minuto de jogo ele teve para jogar. Mas não posso negar que o Pratto é excepcional. Ambos são camisas 9 natos e vão ajudar muito a gente durante esse ano”, concluiu o treinador.

Fonte: Gazeta Esportiva

Um comentário em “Artilheiro, Gilberto ignora reserva de Pratto: “Reclamar para quê?”

  1. Gilberto está corretíssimo, primeiramente faz parte de um grupo e quando é chamado para a batalha tem correspondido.

    Aproveitou muito bem a chance que teve, começando lá na pré temporada na Flórida, e sendo atualmente um dos jogadores que mais se valorizaram no elenco tricolor.

    Reclamar para quê? Daquele Gilberto, atacante duvidoso vindo do Chicago Fire (EUA) para o Gibagol artilheiro do Paulistão, tem mais é que agradecer e desfrutar desse bom momento.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*