Após maratona, São Paulo retoma briga pelo G4 contra o ameaçado Coxa

Lutando para obter uma vaga na Libertadores do ano que vem, seja pelo Campeonato Brasileiro ou pela Copa Sul-Americana, o São Paulo vai a campo às 16h deste domingo, contra o Coritiba, no Couto Pereira, tentando não sentir os efeitos da maratona que fez o elenco viajar por quase 40 horas na última semana.

A equipe embarcou para Loja, no Equador, na segunda pela manhã, empatou por 1 a 1 com a LDU local na noite de quarta, no jogo de ida pelas oitavas de final da Sul-Americana, e só desembarcou na capital paulista na madrugada de sexta. Depois de um treino no sábado pela manhã, nova viagem, desta vez para Curitiba. E Ney Franco, mesmo com tanto desgaste, vai usar os titulares.

– Temos de mobilizar o grupo para o jogo contra o Coritiba. Estamos em processo de recuperação física para que possamos fazer um jogo forte. Temos de ir lá e tentar mais uma vitória para chegar o mais rápido possível no G4 – disse o comandante, que será obrigado a promover pelo menos uma mudança.

Denilson, suspenso pelo terceiro amarelo, não joga. Wellington, que seria seu subsituto natural, também está impedido de atuar pelo acúmulo de cartões. Dessa forma, a briga fica entre Paulo Assunção e Casemiro. No ataque, ainda sem o contundido Luis Fabiano, Ademilson tenta manter seu posto, mas Willian José, mesmo com o joelho dolorido, corre por fora.

Com 42 pontos, o São Paulo ocupa a quinta colocação da competição nacional. O Vasco, último integrante do G4, tem dois a mais.

CORITIBA QUER ARRANCADA EM CASA

Dono do pior aproveitamento como mandante, o Coritiba tenta retomar sua força no Couto Pereira a partir do duelo contra o São Paulo. Prestes a ter uma sequência de quatro jogos em casa nas próximas cinco rodadas, o Coxa tenta não olhar para trás e pretende ter novos rumos no Brasileirão a partir de domingo:

– Temos de fazer a nossa casa ser um ponto forte, principalmente nesse momento difícil que estamos passando, e, com o apoio da nossa torcida, reverter esse quadro da tabela – declarou o volante William.

Sofrendo cada vez mais com a série de lesões dos seus jogadores – os mais recentes são o lateral-direito Ayrton e o atacante Deivid – o técnico Marquinhos Santos tende a sacrificar dois atletas que retornarão após um período fora dos gramados. O meia Rafinha e o atacante Roberto, que estavam no departamento médico, voltarão para serem titulares. Tudo para ter uma boa sequência.

– Não se pode desperdiçar tantos pontos em casa, ainda mais em um campeonato tão nivelado como o Brasileiro.

FICHA TÉCNICA
CORITIBA X SÃO PAULO

Local: Estádio Couto Pereira, em Curitiba (PR)
Data/Horário: 30/9/2012 (domingo), às 16h
Árbitro: Pericles Bassols Pegado Cortez (Fifa/RJ)
Auxiliares: Dibert Pedrosa Moisés (RJ) e Wagner de Almeida Santos (RJ)

CORITIBA: Vanderlei; Victor Ferraz, Demerson, Escudero e Eltinho; Willian, Gil, Rafinha e Lincoln; Everton Ribeiro e Roberto. Técnico: Marquinhos Santos.

SÃO PAULO: Rogério Ceni; Paulo Miranda, Rafael Toloi, Rhodolfo e Cortez; Paulo Assunção (Casemiro), Maicon e Jadson; Lucas, Osvaldo e Ademilson (Willian José). Técnico: Ney Franco

Fonte: Lance

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*