Aguirre compara revelações do São Paulo e pede calma com Helinho

Talvez seja pedir demais para o torcedor do São Paulo não se empolgar com Helinho. Criado nas categorias de base de Cotia, o atacante de apenas 18 anos estreou com a camisa do time profissional do Tricolor após seis anos no clube e, de cara, marcou um golaço.

Helinho entrou no intervalo do confronto com o Flamengo e precisou de apenar quatro minutos para limpar a bola para a canhota e mandar um petardo no ângulo do goleiro César. Um verdadeiro golaço, que não serviu para dar ao time a vitória nesse domingo, mas certamente facilitará para que Diego Aguirre enxergue novas possibilidades de usá-lo.

Apesar de reconhecer o talento de Helinho, o treinador uruguaio também fez questão de frear os mais animados e usou, inclusive, Luan e Liziero como exemplos. A dupla também ganhou espaço na equipe profissional nessa temporada.

“Eu tenho a liberdade de tomar as decisões. Todos gostamos de ver os meninos aparecer e, aos poucos, se tornando uma realidade. Luan é uma realidade, teve uma sequência, um crescimento e hoje é um jogador importante, e tem só 19 anos. Caso de Liziero também, já tem mais cancha”, explicou o comandante.

“Chegou a hora de Helinho na equipe. Foi uma estreia sonhada, com um gol maravilhoso, mas também vocês viram que ele sentiu as exigências de se jogar no profissional. Então, vamos com calma. Ele vai ganhar minutos pouco a pouco. Não podemos de um dia para outro dar a responsabilidade aos meninos em jogos decisivos”, reiterou, antes de continuar.

“Foi muito bom, mas, vamos com calma. A mesma ansiedade que tem a torcida eu tenho também. Mas, temos de ir com cuidado, porque a primeira coisa é pensar no melhor para o jogador e para o São Paulo”, concluiu.

Na próxima rodada, o desafio será contra o Corinthians, em Itaquera, sábado, às 17h. O São Paulo é o atual quarto colocado na tabela de classificação, com 57 pontos.

 

Fonte: Gazeta Esportiva

3 comentários em “Aguirre compara revelações do São Paulo e pede calma com Helinho

  1. daqui até o final do campeonato acho eu que entrar com Antony , Brener e Helinho será um bom teste, Brener como centroavante e Diego souza como meia, pode entrar como titulares Helinho pela direita e Antony pela esquerda e Carneiro como centroavante

  2. Este Aguirre foi bem até quando fazia o que o Jardineiro aconselhava. Depois, quando se achou autônomo está prestes a mandar o time para o meio da tabela. Tem que mandar ele passear antes que tal ocorra.

  3. É … vamos com calma porque antes do garoto completar 30 anos vai ser difícil ele ficar correndo atrás do lateral adversário e dar cobertura pro seu lateral. Até lá, melhor ele ficar quietinho no banco e ir treinando bem para adquirir “novos” conceitos mais importantes que o que ele sabe fazer que é, apenas, fazer gols: inclusive alguns bem bonitos, por sinal…

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*