São Paulo tem um time, não um elenco

Amigo são-paulino, não é chorar pelos cantos, mas é constatar a realidade. O São Paulo tem um time, não um elenco. A sequência de resultados negativos, motivado pelos desfalques, provam que conseguimos montar um time titular muito forte para disputar o Brasileiro, mas que o elenco não responde à altura, quando é chamado.

Nosso departamento médico tem que ser cobrado por tudo isso. E foi tema central do meu editorial passado.

Dito isso, entendo ter explanado meu pensamento sobre o resultado de Porto Alegre. Convenhamos que jogar sem Daniel Alves, Hernanes, Antony, Pablo e Pato não é para qualquer um. Além deles, jogamos sem os primeiros reservas: Toró, Igor Gomes e Rojas.

Para piorar, Cuca, ao invés de fazer o simples, inventou colocando três volantes e deixando o time sem armador. No primeiro tempo esse sistema até funcionou um pouco, com a marcação pressão que foi feita e com Everton, muito bem no jogo, ganhando jogadas, indo á linha de fundo e cruzando para trás. Numa dessas jogadas, ele deu uma verdadeira assistência para Tchê Tchê que “isolou” a bola.

O “se” não faz parte do jogo, mas se fizéssemos esse gol, as coisas poderiam ser diferentes. Assim como “se ” o VAR não atrapalhasse, talvez saíssemos de lá com um empate. Até porque não foi pênalti, em hipótese alguma, o marcado pela arbitragem. Mas, de novo o VAR nos atrapalhou.

É fato, também, que o São Paulo não jogou nada no segundo tempo. Como sempre o ar acabou, o time foi dominado e viveu de contra-ataques, que não saíram.

E no fim a rodada foi horrível para nós. Se tinha sido boa, pelo empate do Corinthians pela manhã, ficou terrível com as vitórias do Flamengo e do Palmeiras.

A recuperação tem que começar contra o CSA domingo, para buscarmos os pontos perdidos de maneira tola no segundo turno.

25 comentários em “São Paulo tem um time, não um elenco

  1. Paulo Pontes, acho que cabe uma ponderação de sua parte, talvez até um editorial… sobre as várias contratações equivocadas da Dupla Raí/Leco. Muitos jogadores contratados, gerando custos altíssimos ao clube, e depois emprestados de graça, ou com contratos rescindidos.

    • Sim, acho que há equilíbrio nos erros e acertos. Mas, numa diretoria de um clube do porte do São Paulo, esse equilíbrio não pode acontecer. O índice de acertos tem que ser infinitamente superior ao de erros. Farei com o tempo.

  2. Quando temos técnico não temos elenco, quando temos elenco não temos técnico. Duvido que Sampaoli ou esse JJ não teriam melhores resultados com esse elenco, pois Cuca é fraco de repertórios e muito burocrático devido o medo de perder o cargo.

    • Quantas vezes, durante sua vida toda, você mencionou o nome Jorge Jesus antes dele assumir o Flamengo? O São Paulo vem trocando de técnico a cada 5 meses, nos últimos 11 anos, e o problema sempre é o técnico? Fale da dupla Leco/Raí que contrataram um monte de tranqueira, e que agora está liberando essas tranqueiras de graça, causando enorme prejuízo ao clube.

      Com Leco/Raí montando elenco, nem o Guardiola faz o São Paulo campeão.

      • Bem, te lembro que em 2014 estive em Portugal e assisti ao clássico Benfica e Porto, e JJ se não me falha a memória era técnico do Benfica. Naquele momento era impensável que um técnico europeu e vencedor viesse treinar um time brasileiro. Sim, o problema são esses técnicos ultrapassados que tem cadeira cativa no futebol brasileiro. Taí os dois estrangeiros fazendo suas equipes jogarem um futebol vistoso e eficiente.
        Raí e Leco erraram muito, mas nenhum técnico pode reclamar por falta de jogadores de primeira linha que o clube trouxe.

        • O elenco é desequilibrado, rasgaram dinheiro nesse Raniel, Biro Biro, Wilian Farias, Diego Souza, Nenê, e mais um monte de tranqueira.

          Reconheço que trouxeram jogadores de qualidade, Daniel Alves, Hernanes, Juanfran e Pablo… Pato na minha opinião não tem compromisso com clube nenhum. No entanto, o elenco não é equilibrado, e se formos colocar comparar hoje, o time titular do São Paulo luta pela quinta ou sexta colocação no brasileiro, não adianta ficar se iludindo, e isso independe do técnico.

          • Esqueci do Maicosuel, que foi contratado pela dupla Pinoti/Leco, que desistiu da rescisão do contrato com o São Paulo, e o clube gastará mais um milhão e meio de reais até janeiro de 2020 com ele.

  3. Acho o elenco bom, um dos melhores dos últimos anos. Falta ao Cuca utilizar o elenco de maneira adequada.
    Dani Alves é LD ou MD. Nunca meia central.
    Antony está na seleção? Rojas so volta em 2020? Helinho joga. Não Vítor Bueno….

    Improvisacoes acabam com o vestiário. Pq o reserva percebe que nunca vai jogar, então pra que treinar forte?

  4. Vou ousar discordar do articulista!
    O S.Paulo tem um bom elenco sim!
    O problema é que é mal utilizado – o Cuca, assim como o Aguirre no ano passado, se perde quando tem que usar os reservas. Falta ao treinador confiança no elenco e muito bom senso.
    Por exemplo: O Dani Alves é o maior lateral direito do mundo: e que o Cuca faz? Coloca-o como armador, onde ele se equipara aos outros atletas. Aliás, nem chega a se equiparar aos melhores que estão jogando no Brasil, já que, é meio que novidade para ele. Além de atrapalhá-lo em seu objetivo de jogar a copa do mundo de 22, como lateral.
    Por que não formar uma linha de 4 com Dani na direita e Juanfran na esquerda e colocar o Igor Gomes na armação do time, já que, o Hernanes já era? O Daniel pela direita vai armar muito melhor que jogando no meio como vem fazendo com o Cuca!
    Outra coisa: não que eu ache o Luan tudo isso, mas colocar o Hudson de volante é dar “milho pra bode”. Ademais o garoto vinha sendo nosso melhor volante de contenção e, de-repente, reserva dos reservas.
    Volto a comentar aqui: nosso problema não é de atacantes; é de armadores. Atacante é qualquer grosso com pontaria e força pra empurrar as bolas pra dentro! Craque tem que ser os armadores que vão colocar a bola de jeito pro grosso marcar. Lembram-se do Serginho? Era com a canela, com a coxa, de joelho, enfim, o cara era trombador mas foi um de nossos maiores artilheiros. E o S.Paulo vive contratando atacantes de centro; de lado (muitos) de encruzilhada: menos bons armadores.
    Enquanto não resolverem isto, e o Cuca não confiar na molecada para armar o time (sugiro até o Antoni, que tem categoria e, se bem treinado, vai se dar muito melhor por ali)…

    • Faço das suas minhas palavras.
      Temos bom elenco sim !
      O Cuca é fraco e só sabe jogar de um jeito.
      Daniel Alves tem que jogar na direita onde é o melhor do mundo.
      Se não quiser tirar o Reinaldo, joga com um 352, com o Juanfran na linha de três e o Daniel na lateral/ala direita.
      Caso do Luan mostra o treinador perdido. Era nosso titular e agora é reserva do reserva Hudson ?
      Monta o time com 3 volantes, e quem marca ?
      Difícil. Faltam treinadores brasileiros, quase todos ultrapassados.
      Olhe o Flamengo, quanta diferença entre o Abel e o português….
      Que fase

  5. Um time ou elenco comeca por uma diretoria de qualidade,
    ai vem, o DT, nao anta, preparadores fisicos, fisiologia e medicos competentes.
    Nao precisa ter torcida, o time chama e o torcedor aparece.
    Pode ate a juizada e o var jogarem contra, dentro de campo resolve a favor.
    Mas, esse time, essa diretoria, esses preparadores fisicos e fisiologicos e
    principalmente essa anta ou esse zumbi da vez, pode parar, fechar a tampa do caixao batendo bem, com multiplos pregos, ja era, nao da. So nos envergonha.

  6. Que o São Paulo não está jogando nada bem, isso não está…..
    Mas com certos juízes…. Só de ver, já sabemos o Tricolor vai ser garfado.
    Marcelo de Lima Henrique, Heber Roberto Lopes, Daronco, Luiz Flávio de Oliveira. Quando é um desses, pode saber que vai aprontar contra

  7. Hernanes Dor de Corno que não sara nunca, Pato em eterna lua de Mel e fazendo churrasco pros companheiros. Pablo comendo p churrasco do companheiro hiper gordo e nunca entra em forma. Antony que acha que jogar no SPFC é um bico, e outros moleques da base vivem do mkt de Cotia que trata qualquer firulento em novo Lucas.

    Pra fechar com chave de ouro, Cuca me declara que as contratações de Daniel Alves e Juan Fran atrapalharam seu esquema. Ousam atrapalhar o maravilhoso esquema Cucabol de lateral dentro da área. Fraco como todos no SPFC.

    Não temos um elenco, não temos um time, temos um clube social apenas

  8. Após a parada da Copa América – 30 dias para recuperar, condicionar e organizar o time – fizemos nove partidas, somando 17 pontos (63% de aproveitamento) mas com poucos minutos de bom futebol.

    Jogamos bem o primeiro tempo contra o Palmeiras, o segundo contra a Chapecoense e a partida toda contra o Santos. Nos demais jogos nosso desempenho nunca passou de razoável. Muito pouco para quem se julga candidato ao título.

    Temos um bom sistema defensivo – goleiro confiável, zagueiros competentes, laterais subindo de produção e volantes de qualidade – mas do meio para frente, sem Hernanes, Daniel Alves, Pato e Pablo nosso nível cai abaixo de zero.

    Cuca já foi claro ao dizer em entrevista que não arma o time para pressionar o adversário pois a condição atlética dos nossos jogadores não permite iogar em alta intensidade todas as partidas.

    Erros na montagem do elenco e na condução da preparação física estão ficando muito evidentes. Claras responsabilidades do executivo de futebol.

      • Cuca tem muito da culpa por recuar demais a equipe sempre que temos vantagem mínima no placar, isso é verdade.

        Mas a culpa do elenco ser desequilibrado não é dele. Na verdade o Cuca só tem responsabilidade nas contratações de TchêTche (volante de nível mediano) e Raniel (atacante abaixo da crítica). Os demais foram herança do executivo de futebol.

        • E completando, Cuca só está treinando o time por decisão conjunta do Executivo de Futebol e do Presidente. A culpa é sempre do oficial mais graduado.

  9. Eu já acho que nem um time temos. Jogadores fora de posição, quando um é expulso o treinador mexe mal, os espaços em campo não são preenchidos! O único meia de ligação nós vendemos. Temos jogadores pra fazer um time, mas acho que não temos um time na acepção do termo, a ponto de termos um dos melhores laterais do mundo e o chucro do nosso treinador o coloca no meio! Fico imaginando Daniel Alves que já foi treinado por Guardiola e outros de nível, ficar olhando pro Cuca no treinamento! Deve ser de doer!

  10. Bom dia tricolores,
    Concordo que temos um time porém, mal formado, creio que um time precisa ter ao menos 2 meias com características de armadores e que acompanhem as jogadas para finalizar de dentro da área, mas o que temos são, hoje, com a chegada do Daniel e o Hernanes 2 ótimos jogadores improvisados como meia e que tem bom passe, boa marcação mas não são definidores, entram pouco na área, não teem o hábito de decidir jogos, podem até decidir um ou outro mas é pouco para quem almeja algo mais que uma classificação para a libertadores, esse tem sido o maior mal do São Paulo nos últimos tempos, improvisação, o Cuca no sábado colocou um lateral direito no ataque, assim fica difícil, portanto, na minha opinião, temos um time sim com bons jogadores, mas alguns em posições fundamentais, improvisados.

  11. Enquanto essa corja maldita de abutres do Juvenal não sair do SPFC, todo ano será uma decepção e dívidas, fora as vendas que nunca fecham o caixa.

    Até 2020 nada, quem sabe em 2021 se esses vendidos conselheiros escolherem alguém que tenha sangue vencedor e ame o clube, porque esse rato velho do Lecú e sua corja além de tudo são uns fracassados!!!

  12. Concordo com Paulo Pontes, temos 1 time e forte quando todos titulares jogam e quando seu Cuca nao faz merda como vem fazendo nas escalações, e depto médico e etc tem que ser muito cobrado.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*


Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.