Não confundir as demissões reais com as teatrais

Amigo são-paulino, leitor do Tricolornaweb, a terça-feira foi das mais tristes da história do São Paulo. Depois do soco na cara que Carlos Miguel Aidar tomou de Ataíde Gil Guerreiro, todos os membros da diretoria do grupo Legião decidiram entregar o cargo. Vendo o movimento acontecer, pois alguns exerciam cargos importantes – vice-presidência de futebol, diretoria social, diretoria de esportes amadores e diretoria de estádio – Aidar emitiu uma nota oficial pedindo todos os cargos para uma grande reforma. Durma-se com um barulho destes.

Como era de se esperar, todos entregaram seus cargos. Mas vamos aqui fazer uma diferença. Há os que renunciaram, caso dos ligados à Legião, e os que entregaram os cargos, casos de Douglas Schwartzmann, Júlio Casares e Antonio Donizette Gonçalves, apenas para citar os mais graúdos. Estes certamente voltarão, em alguns casos com cargos mais cobiçados e altos, como é o caso de Douglas Schwartzmann, que de acordo com a engenharia planejada há meses, iria galgar o cargo de vice-presidente de futebol.

Carlos Miguel Aidar está tentando reconstruir sua base. Ele está mandando e-mails e ligando para os diretores que renunciaram – não os que entregaram – oferecendo cargos mais altos. Mas ninguém está aceitando. Ele vai ter que recompor sua base em outros setores, outros grupos.

Entendam uma coisa: Aidar está em situação difícil, sim, mas não existe a menor, repito, a menor possibilidade de impeachment. São necessários 180 votos, num colégio de 240 conselheiros. Destes 240, mais de 40 não comparecem às sessões por questão de saúde ou elevada faixa etária. Convenhamos que entre os 200 que vão, Aidar tem mais de 20 conselheiros. Eu diria mais: ele ainda detém a maioria no Conselho Deliberativo.

O caminho mais viável seria a renúncia. Ele realmente está no olho do furacão e agora o próprio Conselho Consultivo, ao que parece, vai se manifestar. Ainda que não tenha poder nenhum, é apenas um órgão para consultas, ele é composto por todos os ex-presidentes do clube e do Conselho Deliberativo, além de convidados ilustres. Possui, por isso, um peso político infinito e um parecer, que está sendo elaborado, demonstrando que não há outro caminho a ser seguido por Carlos Miguel Aidar, que não seja a renúncia, pode ser fatal. Aliado à Moção de Desconfiança que está recebendo cada vez mais assinaturas, o quadro fica completo.

Vamos ver qual vai ser a composição de forças que Carlos Miguel Aidar conseguirá aglutinar para sua gestão. Mas tem que ficar muito claro a todos que receberão convite e estarão propensos a aceitar: a crise que o São Paulo vive está muito longe de ser política. É uma crise moral e ética, que está jogando o nome da instituição na lata do lixo.

18 comentários em “Não confundir as demissões reais com as teatrais

  1. Paulo Pontes fico me imaginando se o Pai do Carlos Miguel fosse vivo, o que ele estaria achando dessa gestão do seu filho, Dr Henry Aidar um verdadeiro Cardeal com certeza teria a mesma decepção que todos nós sãopaulinos estamos tendo, que VERGONHA ver o São Paulo F.C. nesse tipo de situação;

  2. Lamentável esta situação, se o Sr. Ataíde estava engolindo tantos sapos, sem poder de decisão, aturar lobistas nas negociações, ver que o Aidar está destruindo o clube, aí eu te pergunto porque ele suportou tanto tempo, porque estas fralcatuas não surgiram do dia pra noite, não estou julgando ninguém mas se você está vendo que as coisas estão erradas pede pra sair ou vai na mídia e escancara as fraldes, ficar omisso e conivente a situação, só prova que é igual a corja instalada no Tricolor. Portanto não tiro chapéu pra nenhum conselheiro do SP, bando de complacentes que só visam o próprio umbigo, qual a dificuldade de mudar este Estatuto, as principais mudanças deveriam ser:
    1- Eleições Diretas, quem elege presidente serão os Sócios Torcedores;
    2- Todo conselheiro pode exercer função, votar até os 70 anos;
    3- Todos os contratos, receitas, dívidas, abertas no site para os ST;

    Se o Aidar tivesse um pouquinho de caráter e dignidade renunciaria o cargo.

  3. A verdade é que ninguém está preocupado com o SPFC. Cada está preocupado com a sua imagem apenas. Quando o time é campeão, todo mundo está lá pra sair na foto. Agora que é uma bucha atrás da outra, fogem feito ratos e ficam nessa de eu não tenho nada a ver com isso, a culpa é do fulano, peguem suas tochas e vamos até o Castelo tirá-lo.

    E ainda ficam com discursinho populista no Twitter de que quem é são paulino de verdade vai assinar a Moção para um eventual Impeachment.. Claro, pq vai ser lindo pra história do clube um Impeachment, o Conselho assinando seu atestado de incompetência na eleição de um presidente.

  4. A única coisa que me intriga a respeito dessa suposta agressão do Ataíde no Aidar (não que ele não mereça…) mas é o fato de ninguém que afirma ter visto, ter filmado…ter tirado uma foto…ou ate o próprio hotel , que tem câmeras.

  5. Essa situação no Tricolor só me dá um mix de sentimentos negativos e de dúvidas Se por um lado Aidar fez cada trambicagem de arrepiar os cabelos, por outro todos os Conselheiros estão preocupados em se afastar, não pelo SPFC, mas por conta de suas respectivas imagens apenas.

    O fato é que quando o time era campeão do mundo, tava todo mundo lá pra sair na foto. Agora na hora das buchas, pulam do barco feito ratos, lavam as mãos e dizem eu não tenho nada a ver com “Isso”, a culpa é dele, vamos tirá-lo. “Isso” é o SPFC de hoje.

    Outra coisa que me incomoda, a torcida passou o ano inteiro pedindo a cabeça de Ataíde e auditoria, agora que Ataíde saiu e, segundo Aidar, a KPMG foi contratada, fazem esse tremendo circo? Estranho, muito estranho…

  6. Ou refunda ou afunda de vez,
    talvez afunde de vez porque infelizmente o SAOPAULO
    dos antigamente se foi ha muito, infelizmente.
    Essa quadrilhota de PeTralhas que se apossou e’ a mesma extensa’o da outra do lula, mentiroso, iguais sa’o, sem diferenca alguma.
    Agora um detalhe essa geraca’o nova que vem por ai,
    na’o esta nem ai, e nos somos mesmo o que somos,
    puros e omissos, iguais cordeiros, na’o e’ mesmo comigo.
    Cambada de ladro’es e bandidos.

    • Lorenzo,
      Eu estou com o mesmo sentimento, cada vez mais triste…
      Isto está refletindo até na minha torcida pelo time sabe, não deveria, mas afeta.
      Não consigo torcer contra, mas o brilho de uma vitória, para mim não me deixa mais eufórico, não tem mais o mesmo gosto, entende? espero que isto passe.

    • O que esperar dos Paulistas. Mantiveram o Maluf roubando por tanto tempo e ainda hoje o elegem. Mantêm os tucanos, com trensalão e tudo há vinte anos. Infelizmente o nosso São Paulo caminha para um buraco maior que o do Metrô da Fradique Coutinho. O Lorenzo não sabe de nada.

      • Na’o sei talvez para voce na’o sei tudo, mas o que sei para mim basta.
        PoliTicos e kartolas sa’o puros ladro’es de casaka.
        Ademar foi um Maluf atualizado, do tipo robo mas faco,
        agora nem isso.
        ??? Voce sabe enta’o se expresse, nos diga algo por favor.
        Na’o ssei tudo e nem quero saber, so’ sei que nos refundamos ou
        afundamos de vez, isso basta, seremos a luzinha da vez e a venezuela da vida.
        Tem que sair toda essa pinoqueada que se apossou de tudo e de todos.
        Estes fdps se acham mais poderosos que nossa patria e nosso SAOPAULO.
        CINGAPURA nesses picaros.

  7. Entendam uma coisa: Aidar está em situação difícil, sim, mas não existe a menor, repito, a menor possibilidade de impeachment. São necessários 180 votos, num colégio de 240 conselheiros. Destes 240, mais de 40 não comparecem às sessões por questão de saúde ou elevada faixa etária. NADA CONTRA OS CONSELHEIROS IDOSOS MAS POR FAVOR LARGUEM O OSSO

  8. Segundo a Ponte Preta, o tricolor fechou mesmo com o Doriva em mais uma picuinha pessoal que o Aidar coloca acima do interesse do clube.

    Particularmente acho uma má escolha, mas por ser um treinador novo, vou torcer para ser daqueles com conceitos novos na cabeça, variações táticas e tudo mais.
    Só vai dar pra avaliar qualquer coisa do trabalho no ano que vem depois de comandar uma pré temporada.

    Pelo menos nos livramos de Celso Roth, Abel Braga e Muricy outra vez.

    • Meus respeitos por suas colocaco’es, mas convenhamos esse pelo menos tem passado em nossas cores, e para mim isso e’ muuito importante,
      ???? agora, vamos querer o que ????
      com toda essa orgia explicita.
      Viramos um vira vira da vida.

  9. Estamos num beco sem saída, se o Aidar sair, o JJ volta a mandar no nosso clube.
    O JJ entregou de bandeja a abertura da copa e um estádio pro corinrtias, graças a sua prepotência e se achar o dono da verdade.
    Com ele a esperada reforma vai pro espaço, pois não admite tirar a pista de atletismo e acha o superado Morumbi perfeito.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*


Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.