Ano Novo, futebol velho

Amigo são-paulino, leitor do Tricolornaweb, o ano de 2014 começa igual 2013. No campo Luis Ricardo, a única diferença. Diferença? Para o Douglas, só de número e porte físico. Futebol não.

Mas, sinceramente, alguém esperava algo diferente? Se já não tínhamos um bom elenco, e ainda perdemos alguns que tínhamos, o que imaginar? O ataque precisava marcar gols, estava perdendo o jogo. Na linha Ademilson e Luis Fabiano. No banco Osvaldo. Por que só Osvaldo? Porque é o que tem para hoje, amanhã e até não sei quando.

Muricy também foi otimista ao extremo, ou fez de propósito para pressionar a diretoria, pois escalar Wellington como armador do ataque é brincadeira; colocar Cañete para tentar resolver alguma coisa, é outra brincadeira. Mas colocar quem? Osvaldo? Entrou. E é o que tem para hoje, amanhã e até não sei quando.

O time jogou no estilo Barcelona. Mais de 70 por cento de posse de bola. Mas e daí? Na hora de chutar para o gol era bola para esse, para aquele, para o outro, para esse, para aquele, para o outro…e ninguém chutava. E quando o fazia, eram chutes de péssima qualidade. Mas os chutadores que estão aí é que tem para agora, amanhã e até não sei quando.

A torcida presente pediu jogador, falou que é absurdo perder para time de série B, mas esqueceu de dizer um “Fora Juvenal” bem grande. Então essa diretoria vai continuar achando que o time é bom, que o elenco é sensacional e não vai buscar ninguém. Por isso o time é esse que temos para hoje, para amanhã e até não sei quando. Talvez quando Juvenal sair. Quem sabe!

9 comentários em “Ano Novo, futebol velho

  1. Sr. Paulo Pontes, estamos diante de uma incompetência brutal. O time é fraco e não nos dá esperança. Poderíamos lançar esse ano, alguns jogadores da base do SPFC, mas esse segmento, está na mão de pessoas que recebem para laborar e fazem um desfavor ao São Paulo. Tem dois profissionais lá, que ficam na beira do campo, conforme informações de muitos jogadores que frequentam a parte social do SPFC, que, após as avaliações, chamam os pais e empresários dos meninos e fazem que aceitem uma proposta de ir para o interior do Paraná. Jogam lá num time do interior e depois, quando ganham alguma experiência, são transacionados para outros times. Conforme informações, eles, esses profissionais do SPFC, recebem para mandar os jogadores para lá e depois nas demais transações. Alguns, como o caso do jogador Evangelista, foi dispensado pelo São Paulo e depois recontratado. Que absurdo. Dizem que o contrato que existe com um dos profissionais que lá “trabalham”, está cheio de falhas e gira em torno de R$ 20.000,00. Falam que o tal contrato não atendia as determinações legais, assim, a empresa, não poderia ser contratada. Ora, o Kalil, na época, mão direita do Juvenal, não verificou o contrato? Agora esse candidato paga de novidade da oposição? Não há explicação para isso. O Ministério Público deveria agir em prol da sociedade. É recolhido Imposto sobre os valores ofertados? Isso precisava acabar em prol de uma melhoria do SPFC. Ah! Atenção!!!! Dizem lá pelos lados do clube, que o Aidar, a proposta dele, é virar o SPFC numa S/A. Ai o bicho vai pegar! Não acha?

    • Tudo isso está no processo que estou respondendo em Cotia. Foi arquivado, mas houve recurso ao TJ. Não posso falar nada sobre o assunto pois, por pedido do SPFC, o referido processo foi transformado em segredo de Justiça.

  2. Vejo jogos de argentinos e paraguayos,
    os caras so jogam na maioria das vezes no ponto futuro,
    no passe longo e os gringos vao buscar,
    acreditam em todas,
    aqui virou essa enrolacao, joguinho do bobo, na roda e nao sai do lugar,
    quem tem maicon e weington de armadores
    ???? vai querer o que ????????
    da dó do Ganso nesse time.
    E o pipokkka sai da grande area e vem tambem dar seus toquinhos inuteis
    no meio campo.
    Que vergonha.

  3. Paulo, eu lhe falei: esse é um time para brigar para não cair no Brasileiro e correndo sério risco de queda!!

    Faz lembrar uns times que tivemos depois da era gloriosa de 90 a 94!!!!

    Esse será o ano, o São Paulo está a passos largos de ser um timeco em campo como tem sido o Palmeiras após a era Parmalat!!!!!

  4. Paulo Pontes, veja bem se for eleito o Aidar, vamos continuar como estamos e sujeito a disputar serie B do brasileiro em 2015, precisamos tomar cuidado pra não disputar a segunda do páulista.

  5. Veja bem, temos um ótimo elenco, não precisamos de reforços, todos os nomes que estão sendo especulados não temos interesse.
    “João Paulo “veja bem” de Jesus Lopes”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*