Uma ponte desabou sobre nós

Amigo são-paulino, leitor do Tricolor na Web, por essa ninguém esperava. Nem o mais otimista torcedor da Macaca afirmaria, antes do jogo, que a Ponte faria três gols no São Paulo dentro do Morumbi, praticamente definindo sua passagem para a final da Copa Sul-Americana. E foi um banho, com direito a muita água que veio do céu.

Para mim duas coisas explicam essa derrota: a soberba e o erro humano. Soberba porque o time começou bem, marcando na frente, pressionando e conseguiu logo marcar o gol através de Paulo Henrique Ganso. Aí começou a soberba, pois foram toques de calcanhar, chapéus e relaxamento na  marcação. Então ficou claro o erro humano, de Muricy Ramalho, pois com escalação de Lucas Evangelista no lugar de Douglas (olhem só, estou reclamando a ausência de Douglas), o lado direito da defesa são-paulina ficou vulnerável e a Ponte ganhou o jogo por esse setor.

Absoluta falta de ver o que ocorreu na Argentina, quando a Ponte venceu o Veles. O jogo da Macaca foi toda pelo lado esquerdo com o Rildo, bom jogador. Nessa quarta-feira não foi diferente. Lucas Evangelista e Ademilson, que se revezavam pelo lado direito, não voltavam para ajudar na marcação e os dois homens da esquerda pontepretana jogavam em cima de Paulo Miranda. Denilson, que deveria cobrir o lado direito não o fazia e Rodrigo Caio não deixava a área. O resultado foi trágico, com Paulo Miranda sendo humilhado pelo setor e a Ponte deitando e rolando.

Muricy percebeu o erro e colocou Wellington, no intervalo, no lugar de Evangelista, mas entendo que errou duplamente, pois a situação ficou inalterada.  Além disso, a chuva colaborou decisivamente para o desastre total e agora a situação ficou complicada demais.

Não acho que seja impossível marcar três gols em Mogi Mirim contra a Ponte. Se ela fez isso aqui, por que nós não podemos fazer isso lá? Mas é fato que, se for para repetir a atuação de ontem, é melhor mandar o time reserva, dar férias já para os titulares e começar a reformulação profunda que deverá ser feita para 2014.

11 comentários em “Uma ponte desabou sobre nós

  1. Alguem precisa dizer ao Muricy Pardal que pare de inventar se os laterais que temos de oficio não são lá estas coisas pior sem êles e alem de tudo correndo o risco de queimar os novos. Futebol fazendo o simples já é dificil imagina querendo inventar o que não deve.

    Glauco.

  2. Tive a mesma leitura que vc, Paulo. Todos nós sabemos que a diretoria é soberba, porem jogador entrar em campo achando q já ganhou é inadmissível. Esqueceram da onde vieram no Brasileiro, esqueceram que o “rebaixado SPFC” ganhou do Campeao CRU no BR. Qnd faz 1 x 0 em QUALQUER adversário em casa, é obrigação massacra-lo até mesmo por respeito. Jogadores se acharam craques e esqueceram da bola.
    Sem contar q praticamente todos os jogos q o SPFC ganhou foi no sufoco, contando com a sorte e com as defesas dos RC .
    Garanto q se fosse um time “gringo” os jogadores entrariam mordendo os adv., faltou pegada.
    Até acredito q o SP faça até 4 gols, problema é não tomar.

  3. Dois otimos jogadores uruguaios em litigio no Olimpia, Paraguay
    por pagamentos atrasados.
    O goleiro Martin Silva, e o meio campista Aranda,
    justamente o que precisamos com ou sem aposentadoria.
    Estao falando em Marlone do Vasco, pra mim pura cascata,
    vao acabar trazendo o Regis do Goiaz,
    e se confirmar a ida de Rodolfo com a vinda de Elano e Ze Roberto
    tambem seria uma boa.

  4. Na verdade é um elenco limitado que levou chicotada de Muricy até se recuperar e escapar do rebaixamento, e no jogo contra a Ponte todos acreditaram que eram craques, quando só Ganso pode ostentar esta condição,ao lado de Ceni.Tivemos o mesmo resultado e atuação desastrosos que vimos o ano todo.

  5. Time q ñ chuta a gol,ñ pode querer vencer jogo,a bola só entra se algm chutar,a ponte chutou 2 vezes no segundo tempo e fez os dois gols,o sp ñ deu um chute sequer até os 25 min do segundo tempo,isso é inadmissível e realmente,temos um time muito limitado,se ñ vierem reforços de peso,ano q vem vamos sofrer com esse time limitado q temos.

  6. Será que os dirigentes do SPaulo vão mandar uma cartinha para a Comenbol questionando os campos no Paraguai e na Argentina?
    O local do jogo era muito relevante para enfrentar a Macaca?
    Eu comentei aqui que a diretoria deveria oferecer, de graça, o segundo jogo no Morumbi. Errei. Deveriam oferecer mas cobrando, e caro, pelo aluguel do salão de baile que o time pontepretano usaria.
    E o Muricy que ontem disse que a importância de seu trabalho era muito alta na recuperação do time. Concordo por um único motivo. Ele tem muuuuuita sorte.
    Toda vez que precisa colocar o time no ataque é essa ruína.
    Espero que ele tenha vindo a público (não vi entrevista alguma até agora) dizer que a importância dele na derrota também foi muito importante. E olha que acho que ele entrou com o time quase certo em campo. A meu ver o erro foi deixar o Paulo Miranda, um jogador muito lento, marcando o lado esquerdo da Ponte que tem um jogador muito veloz. Também lamentei a ausencia do Douglas, mas na lateral – equilibraria a correria pelo lado e melhoraria o apoio ao ataque. Agora, na hora em que começou a fazer as substituições, nossa! Tirou o jogador que mais jogou no primeiro tempo; quem mais se movimentava no ataque procurando espaços para dar opções aos companheiros e para colocar quem? Wellington: para marcar “melhor” pela direita (segundo suas próprias palavras). O que aconteceu todos vimos. O dito não marcava ninguém, o lado direito que já não vinha bem, piorou e, quando de posse da bola, tocava de lado pro Denilson, que voltava a bola para o Antonio Carlos, e nada . . .
    Concordei com a entrada do Luís Fabiano; mas no lugar do Maicon? Deixando os dois volantes “cabeça de bagre” no jogo? Depois colocar o Weliton (sem o g) que não é capaz de dar um drible siquer e muito menos fazer jogadas pelas laterais, já que a PP estava toda fechadinha atrás?
    Concordo quanto à soberba do time. Foi marcar um gol e achou que fariam outros no momento em que quisessem. Daí, o senhor Ganso principalmente, já começou a querer fazer gol de placa, dar toquinhos de calcanhar e o time todo deixou aquela garra dos momentos iniciais e, depois do acidente do primeiro gol pontepretano, ficaram embasbacados (tipo qdo levavam um gol na época em que estávamos no Z4).
    Lamentamos tanta falação extra campo e tantos erros dentro dele.
    Só um milagre (tipo conseguido no Chile) vai fazer o SP andar na competição. Pela sorte do Muricy (que ontem o abandonou a favor do rival) não é impossível. Mas, convenhamos, a retranca da Macaca vai ser colossal. Pelas dificuldades do SP em atacar e pelo desespero que deverá bater com o andar do jogo, temo por outra derrota em qq estádio que for o jogo.
    Tristeza . . .

  7. Bem feito!!! Juvenal se preocupou em cuidar da casa alheia e esqueceu de cuidar de sua própria casa. Muricy disse que jogar em Mogi prejudicaria a Ponte, se f…., pois jogando no Morumbi o prejudicado foi o São Paulo, chupa Juvenal!!!

  8. ??????? Sera que teremos mesmo uma reformulacao profunda ?????
    Nos queremos, como sempre, nao somos atendidos.
    Talvez os entendidos dessa diretoria comecem a reformulacao
    por quem nos tirou da SEGUNDONA, pois sua renovacao seria muito onerosa
    para os cofres da entidade.
    A nossa permanencia na elite, (GRANDE NAO CAI), mas perde para pequenos rsrs
    e so isso basta para salvar o ano, pois estavamos metidos ate os chifres
    no brejo. Enfim, senti muito perder de uma forma vexatoria,
    mas mesmo perdendo com o dedo e as maos de Murici,
    o enalteco, ele tem credito e muito, se puderem deixem ele montar
    um time com seu estilo. A pp, vai ser rebaixada com certeza, e tem bons
    jogadores, aguerridos e tem esse Rildo na frente que enferniza,
    e todos sabiam e o deixaram solto em cima do pipokkker pm
    e ha tambem bons jogadores em outros times, so nao podemos ficar
    pegando jogadores de empresarios para fazer trampolim.
    Espero que para o proximo ano nao passemos os vexames desse, e estresse puro,
    sera ate bom nao avancarmos na Sulamericana e digerirmos esse MICO
    enorme na conta dessa diretoria maldita, pois nao podemos mascarar
    desse time salvam-se poucos, a maioria e mesmo mediocre como
    essa diretoria mentirosa.

  9. O jogo de ontem só confirmou o quanto são limitados alguns jogadores….Paulo Miranda, Lucas Evangelista, Denilson, Ademilson, Reinaldo, Welington, Welliton, Maicon ( que acha que joga muito e não consegue criar nada nem marcar ninguem), Deve ter faltado alguns nomes diante de um elenco muuuuuuuuuuuito fraco que temos, se não chegar alguns bons jogadores no ano que vem, sofreremos novamente.

  10. Não sou de criticar e ainda acredito em uma classificação, mas não consigo entender a titularidade do Denilson. É claro que a culpa não é só dele, mas é um jogador que não marca e que erra ao menos um em cada 3 passes que tenta. Mesmo em jogos que vencemos, ele atuou desta maneira. Mas o Muricy sabe o que faz e eu ainda acredito… abs

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*