Wellington Nem sonha com primeiro jogo pelo São Paulo no Morumbi

Neste domingo, às 16h, o São Paulo recebe o Santo André no Morumbi pela sétima rodada do Campeonato Paulista. E o embate deve marcar a estreia de Wellington Nem no estádio como atleta do Tricolor. Nos três primeiros confrontos na casa são-paulina – com duas vitórias e um empate -, o atacante estava se recuperando de lesão muscular na coxa esquerda.

– Tentei controlar a ansiedade neste período e me recuperei bem da lesão também. Cumpri todas as etapas da fisioterapia para voltar recuperado e sem restrição. Não vejo a hora de jogar no Morumbi e ajudar os meus companheiros. Que a nossa torcida compareça mais uma vez, como tem feito, e a gente construa uma família para fortalecer a busca por títulos –  projetou.

A lesão aconteceu na abertura do Paulistão, ainda no primeiro tempo da derrota por 4 a 2 para o Osasco Audax. Na última quarta-feira, o técnico Rogério Ceni promoveu a volta de Nem na etapa final da vitória por 4 a 2 sobre o PSTC, válida pela segunda fase da Copa do Brasil, e agora pode fazer com que o camisa 21 seja titular diante do Ramalhão.

– Estou pronto e à disposição. Se tiver a oportunidade de jogar, espero que seja uma estreia vitoriosa, porque isso é o mais importante. Quero fazer uma boa partida e ajudar os meus companheiros, porque toda a equipe está focada. Agradeço ao departamento médico. Estou feliz por voltar, não sentir nada. Fiquei triste porque vinha treinando bem, jogando bem, já estava com o ritmo da pré-temporada e machucar logo no começo é muito ruim, né? Mas, graças a Deus eu recuperei rápido e estou evoluindo cada vez mais – destacou.

Na volta da delegação tricolor de Londrina, onde aconteceu o duelo com o PSTC, Nem apenas alertou que ainda não se sente confiante para fazer uma partida inteira. Assim, se for titular, a tendência é ser sacado depois do intervalo. A ideia de Ceni é preservar os principais jogadores para a sequência de mata-mata contra o ABC (RN) na Copa do Brasil e o clássico com o Palmeiras, no sábado, pelo Paulistão.

 

Fonte:Lance

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*