Torcida responde à redução de preços e São Paulo busca novo recorde às 11h

Se as partidas às 11h de domingo têm sido um sucesso no Campeonato Brasileiro, implantadas pela Confederação Brasileira de Futebol (CBF) na temporada passada, o São Paulo tem participação direta. Afinal, mesmo com apenas um jogo como mandante no horário, o Tricolor é dono do recorde de público em confrontos da Série A nesse cenário.

A marca foi atingida em 12 de julho de 2015. Na ocasião, 59.612 torcedores assistiram a vitória do time então comandado por Juan Carlos Osorio por 3 a 1 sobre o Coritiba. Os gols do embate foram marcados por Alexandre Pato (2) e Centurión, enquanto Marcos Aurélio diminuiu para a equipe paranaense.

Na tarde do último sábado, o São Paulo anunciou que, para o duelo deste domingo contra a Chapecoense, restavam somente ingressos para o setor Eterno Capitão – vendido a R$ 120 e localizado na região das cadeiras azuis – e para camarotes que têm bilhetes comercializados de forma independente.

A alta procura deve-se à redução no preço das entradas, prometida pela diretoria do clube após a eliminação na Copa Libertadores da América. E essa demanda pode fazer o recorde de público do ano no Brasil ser quebrado pela quinta vez seguida pelo Tricolor.

A marca atual é de 61.766, do jogo contra o Atlético Nacional (COL) na semifinal da Libertadores. Antes, os paulistas já haviam derrubado as marcas contra River Plate (ARG), Toluca (MEX) e Atlético-MG.

Fonte: Lance

Um comentário em “Torcida responde à redução de preços e São Paulo busca novo recorde às 11h

  1. Coitado desses torcedores, sao guerreiros mereciam mais respeito, e se jogar como vem jogando e continuar a perder tem que devolver o dinheiro pq foi propaganda enganosa.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*


Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.