Torcida pede raça, e Denis admite: ‘Vencemos na vontade’

Em alguns momentos da vitória do São Paulo sobre o Coritiba por 1 a 0, nesta quinta-feira, no Morumbi, a torcida no Morumbi gritou “raça” para os atletas. Na visão do goleiro Denis, foi a entrega do time, principalmente após a expulsão de Paulo Mirando, o diferencial.

– No começo o time não se comportou muito bem, tivemos erros de marcação, deu para notar o 10 deles (Everton Ribeiro) sozinho no meio, tentávamos corrigir e não conseguíamos. Ficamos com um jogador a menos, ficou uma correria, todo mundo correndo por todo mundo, marcando por todo mundo. Aí entrou a vontade. Por isso conquistamos a vitória – afirmou o camisa 12.

Com o resultado, o Tricolor se classifica para a final da Copa do Brasil até com um empate ou se perder fazendo gols em Curitiba (PR), na próxima quarta, no Couto Pereira. Em caso de 1 a 0 para o Coxa, decisão nos pênaltis.

– A vantagem não é tão grande, é pequena, mas fizemos o nosso papel dentro de casa, que é não sofrer gols. Temos de focar no jogo lá, não vai ser fácil, mas pelo menos conquistamos uma vitória e isso vai nos ajudar muito – disse o goleiro.

O adversário do vencedor do duelo entre os times dos técnicos Emerson Leão e Marcelo Oliveira sairá do embate Palmeiras e Grêmio. O Alviverde venceu o primeiro jogo por 2 a 0, em Porto Alegre (RS). A volta será dia 21, na Arena Barueri.
Fonte: Lance

Um comentário em “Torcida pede raça, e Denis admite: ‘Vencemos na vontade’

  1. Já está na ora dessa torcida parar de pedir raça em estádios… tem que fazer igual fazem lá na marginal, depredar carros de diretores e jogadores, dar prensa em jogador no shopping, promover um certo terrorismo, senão, continuaram pagando caro no ingresso para verem essas perebas que é esse time do Tricolor..

    Fora Juvenal e sua turpe e treinador conservadorista, no lado ruim é claro!!!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*