Torcedor revela: colocou sal grosso no Morumbi para tirar ‘uruca, zica’

Foi um torcedor do São Paulo, sócio do clube, o responsável por encher um dos degraus da escada de acesso do vestiário ao gramado do Morumbi de sal grosso. A superstição foi atração na vitória por 2 a 1 sobre o Fluminense, no último domingo, pelo Campeonato Brasileiro. O Tricolor voltou a vencer depois de 12 rodadas.

O nome dele é Luiz Guilherme, mas ele ainda não apareceu. Um dia antes da partida, no entanto, o responsável pelo sal grosso no túnel deu entrevista ao Repórter Bandana, do canal Arquibancada Tricolor, do Youtube, avisando que colocaria o tempero na escadaria do vestiário são-paulino no estádio do Morumbi.

– Só isso que adianta, meu amigo. É uruca, é zica. Temos que colocar o sal grosso para acabar com os problemas. Passando a zica, vitórias consecutivas virão. Vou colocar o sal grosso na escadaria. Não tem como não pegar isso no pé – declarou Luiz Guilherme, no vídeo acima.

Sal grosso são paulo morumbi (Foto: Joanna de Assis)Sal grosso colocado no degrau da escada de acesso do vestiário para o gramado (Foto: Joanna de Assis)

Flávio Padovani, mais conhecido como Repórter Bandana, também é torcedor do São Paulo e mantém na internet um canal para divulgar vídeos que faz sobre o Tricolor. No último domingo, aliás, ele levou um balde com sal grosso e distribuiu em volta do estádio do Morumbi para os outros torcedores.

– Eu fiz um vídeo antes da partida de domingo, falando da promoção de ingressos do São Paulo (R$ 10 arquibancada, R$ 2 para sócio-torcedor) e falei da campanha do sal grosso. Foi quando esse torcedor me disse que colocaria na escada – contou o Repórter Bandana, ao GLOBOESPORTE.COM.

No final do vídeo em que Padovani (o Bandana) aparece distribuindo sal grosso para os torcedores nos arredores do Morumbi, ele diz que a ação deu resultado e que tinha até sal grosso na escadaria, apontando para o campo. Ele declara que um amigo dele, no caso Luiz Guilherme, tinha conseguido colocar lá.

Fonte: Globo Esporte

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*


Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.