Titular absoluto, Jadson agora tem sombras no São Paulo

O São Paulo confirmou que Paulo Henrique Ganso vai estrear no próximo domingo, contra o Náutico, no Morumbi. O camisa 8 deve entrar no decorrer da partida e o maior candidato a ser substituído é Jadson, que joga na mesma posição. Essa seria a alteração que a torcida do Tricolor faria, segundo enquete realizada pelo LANCENET!.

Até então titular absoluto do meio de campo, o camisa 10 agora terá concorrência forte. Desde que foi contratado, no início do ano, Jadson não tinha nenhum companheiro com características semelhantes a dele, tanto que disputou 34 partidas neste Brasileirão e só ficou fora de um jogo, por suspensão. Agora, além do Maestro, o argentino Marcelo Cañete começou a ser relacionado por Ney Franco.

Quando Ganso estava para ser contratado, o treinador são-paulino disse que pensava em três possibilidades para armar o time. Uma delas era exatamente com a saída de Jadson, mas na época o esquema 4-2-3-1, que está encaixado atualmente, não era utilizado. O jogo-treino, que será realizado nestaa quinta-feira no CT, pode mostrar qual será a função em que Ganso atuará.

Além das 18 assistências no ano, ritmo de jogo e entrosamento são trunfos para Jadson se manter na equipe. Ele também já chegou a jogar com Ganso (veja abaixo). Outra opção para Ney Franco é a saída de Osvaldo, que prefere não dar palpite nem opinião na escalação do time:

– É mais uma dor de cabeça para o professor Ney Franco, mais um jogador de qualidade para ficar apto a jogar. É um grande jogador, que dá assistência para a gente. E todo atacante gosta de jogar ao lado do Ganso, não só com o Ganso, mas com o Jadson, que tem dado muitas assistências.

Jadson ainda não conta com o apoio do torcedor. No ano que vem, quando o Maestro tiver em melhores condições de jogo, Lucas já terá ido ao Paris Saint-Germain (FRA), o que pode ser um trunfo para o camisa 10 se manter na equipe.

Ganso e Jadson juntos na Seleção Brasileira

Se no São Paulo há a dúvida a respeito de Ganso e Jadson atuarem juntos, na Seleção Brasileira a dupla já teve a oportunidade de ser escalada entre os 11 titulares.

Em jogo válido pela Copa América do ano passado, o Brasil enfrentou o Paraguai, ainda na primeira fase. Na ocasião, Jadson atuou à direita do meio de campo enquanto Ganso, mais à esquerda.

E foi o camisa 10 são-paulino quem abriu o placar, com um belo chute de fora da área, aos 38 da etapa inicial. O jogo terminou empatado em 2 a 2 e Jadson, amarelado, acabou substituído por Mano Menezes no intervalo da partida.
Fonte: Lance – Foto: Vipcomm

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*