Só decisão! São Paulo abre sequência de mata-mata contra o Linense

O São Paulo começa nesta quinta-feira a viver uma rotina de decisões. O mês de abril reserva partidas eliminatórias por Paulistão, Copa do Brasil e Copa Sul-Americana. Não há mais partidas com peso menor. O primeiro desafio é o Linense, pelas quartas de final do estadual. O duelo de ida é neste domingo, no estádio Gilbertão, em Lins, e o segundo confronto será no dia 9 de abril, no Morumbi.

Entre esses dois duelos, o Tricolor tem uma viagem com nova decisão. A equipe embarca na terça-feira para a Argentina, onde enfrentará o Defensa y Justicia, quarta-feira, pela primeira fase da Copa Sul-Americana.

Rogério Ceni São Paulo (Foto: Rubens Chiri / site oficial do São Paulo FC)Rogério Ceni está de olho nas decisões de abril (Foto: Rubens Chiri / site oficial do São Paulo FC)

Mais adiante, o São Paulo terá o Cruzeiro pela quarta fase da Copa do Brasil: nos dias 13 de abril (Morumbi) e 19 (Mineirão). Caso avance no Paulistão, as semifinais estão marcadas para os dias 16 e 23, e as finais serão disputadas nos dias 30 de abril e 7 de maio.

– Agora é o mês de abril. Olhamos tudo que tinha de olhar, todos jogadores participaram.Temos de encontrar equilíbrio maior e força. Não temos um elenco para jogar com os principais 11 jogadores todos jogos. Mas vamos tentar achar uma maneira de manter esse time bem, com boas condições físicas, para chegar até o fim de abril, espero eu, vivo em todas as competições. É difícil. Temos o Cruzeiro, que vem bem no Mineiro. O Linense, que se classificou bem na nossa chave, e o Defensa y Justicia fora. O segundo jogo é só em maio. Espero que consiga atingir o máximo de jogos possíveis, consequentemente chegando a final do Paulista, que é um objetivo, apesar de reconhecer os adversários fortes que temos. São Paulo e Cruzeiro, e Corinthians e Internacional fazem os duelos mais complicados (da Copa do Brasil) – disse Rogério Ceni.

Para suportar a maratona de jogos, o São Paulo contratou o lateral-esquerdo Edimar, ex-Cruzeiro, e o meia Thomaz Santos, do Jorge Wilstermann. O Tricolor se reapresenta nesta quinta-feira de manhã, no CT da Barra Funda, onde vai apresentar o atleta emprestado pelo clube mineiro. Thomaz, alternativa para substituir Cueva, tem chegada prevista ao Brasil também nesta quinta-feira.

Paralelamente a isso, o clube vive expectativa sobre o diagnóstico de Cueva. O peruano será examinado pelo departamento médico, mas o médico José Sanchez mostra otimismo.

– Ele vai chegar no Brasil de manhã. Já teve uma conversa com dirigentes do clube, deu algumas informações. Já combinamos com ele de fazer uma avaliação e um exame. Ele passou informação que não deve ser nada sério, mas o que define é o exame. Músculo é sempre algo difícil de prever

Fonte: Globo Esporte

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*