Sem Rhodolfo, Denilson e Fabuloso, Ney Franco faz mudanças no São Paulo

No último treino antes de viajar para Belo Horizonte, onde enfrentará o vice-líder Atlético-MG, Ney Franco fez mudanças no São Paulo. O treinador, em campo reduzido, esboçou a equipe que levará ao Independência.

Sem Denilson, que está suspenso, e Luis Fabiano, que ficou no Reffis para tratamento no ombro esquerdo, o time foi escalado com Rogério Ceni, Paulo Miranda, Rafael Toloi, Rhodolfo e Cortez; Wellington, Casemiro, Maicon e Jadson; Osvaldo e Ademilson. Lucas, que voltou da Seleção, vai entrar no lugar de Ademilson.

Apesar de participar da atividade, Rhodolfo voltou a sentir dores na coxa esquerda e acabou vetado. Douglas pode retornar na lateral direita ou Edson Silva entrar na zaga.

Além das ausências de Denilson e Luis Fabiano, Douglas perdeu espaço e trabalhou entre os reservas. Paulo Miranda, que foi terceiro zagueiro diante do Santos, ficou na lateral direita. Maicon, que estava suspenso no clássico, voltou ao meio de campo. Wellington ganhou a disputa com Paulo Assunção e será titular pela primeira vez desde que operou o joelho esquerdo em fevereiro.

Após o trabalho em campo reduzido, Ney aproveitou para aprimorar as jogadas de bola parada ofensiva. Com Jadson nas cobranças, orientou os jogadores para tentar surpreender o adversário quando este montar a linha de impedimento, com Casemiro entrando como surpresa ou alguém vindo de trás para chutar.

Por fim, em espaço ainda mais reduzido, os atletas foram divididos em dois times e fizeram atividade de dois toques. Só os reservas e não relacionados participaram do exercício final.

Fonte: Lance

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*