São Paulo vira sobre o Flamengo e é campeão da Copa do Brasil Sub-17

Após ter vencido o jogo de ida por 2 a 0, o São Paulo venceu novamente o Flamengo na noite deste sábado por 3 a 1, no Estádio Cláudio Moacyr de Azevedo, em Macaé, e conquistou o título da Copa do Brasil Sub-17. Os gols do Tricolor paulista foram marcados por Ewandro, Felipe Araruna e Luiz Araújo. O Rubro-Negro descontou com Wellington.

Foi o Flamengo que abriu o marcador, aos 21 minutos do segunto tempo. Após cobrança de escanteio, a zaga do São Paulo afastou mal a bola e, na sobra, Wellington não desperdiçou a oportunidade. O Tricolor paulista não deixou para trás e, aos 24, Ewandro puxou o contra-ataque e acertou o gol na saída do goleiro Thiago.

Aos 42 e 46 minutos da etapa final, o São Paulo marcou o segundo e o terceiro gol que fechou o marcador. O primeiro foi de Felipe Araruna, em um chute forte de fora da área e, no segundo, Luiz Araújo passou com tranquilidade pelo goleiro do Flamengo e encerrou o placar.

 

Nota do PP: Quero dizer que fiquei emocionado ao ver essa garotada jogando. Com personalidade, vontade, raça, técnica e determinação. É esse tipo de São Paulo que queremos ver sempre. Um São Paulo Soberano, campeão. Essa garotada aprendeu desde cedo o peso dessa camisa e fez o que muitos marmanjos do profissional não estão fazendo. Que sirvam de exemplo para os mais velhos.

6 comentários em “São Paulo vira sobre o Flamengo e é campeão da Copa do Brasil Sub-17

  1. neste São Paulo sub-17 e bem melhor ate agora neste São Paulo de proficíonal e cadê aquele time campeão da copa da sul Americano eita bons tempos que podia voltar mas não vai mais porque que neste time de agora esta um podre de ruim e da um preguiça quando eu vejo este time de agora. Então vamos mostra do que tem e vamos na fé e na garra que neste time esta jogando mais ou menos mas vai dar conta de cair fora deste inferno e vamos com tudo VAI TIME MELHOR DO MUNDO QUE E NOS porque este time e muito poderoso e VAI SÃO PAULO…..

  2. RUMO À SEGUNDA DIVISÃO (ainda)
    Não só passar o VT para os profissionais. Subir três ou quatro jogadores desse sub 17, se não pra jogar ainda, para ir ambientando-os com os profissionais e, ao mesmo tempo, blindando-os dos defeitos entre estes. Vi, com muito gosto, vários garotos que prometem muito.

    • O problema é que a torcida não tem paciência com os moleques. O Ademílson ainda arrebenta quando joga em seleção sub-20, mas no profissional não conseguiu brilhar e não tem nenhum apoio. Pode-se dizer o mesmo do Lucas Evangelista.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*


Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.