São Paulo tenta acabar com seca de vitórias contra o Avaí na Ressacada

Atravessando período turbulento na temporada, com eliminação da Copa do Brasil e sequência de resultados negativos no Brasileirão, o São Paulo tenta se reencontrar com a vitória em duelo contra o Avaí, neste sábado, às 21h (horário de Brasília), pela 8ª rodada do Campeonato Brasileiro.

Depois de cinco jogos seguidos sem vitória, a equipe comandada por Cuca enfrenta o seu penúltimo desafio antes da pausa para a Copa América. Pressionado após protestos na frente CT da Barra Funda e antes do empate com o Cruzeiro no Pacaembu, o elenco são-paulino mira se manter perto dos primeiros colocados até a parada para o torneio continental.

Segundo o planejamento de Cuca, o Tricolor precisa voltar a somar os três pontos rápido. “Agora, temos dois jogos fora de casa para fechar a primeira etapa. Se conseguirmos duas vitórias, serão 18 pontos, que é a meta. São jogos difíceis, mas podemos sair com duas vitórias”, disse o comandante.

Atualmente, a equipe do Morumbi se encontra na 8ª colocação do Brasileiro, com 12 pontos ganhos, um menos que o Bahia, último time do G6, e quatro atrás do líder Palmeiras, que tem um jogo a menos. Já o Avaí, se encontra em situação delicada neste início de torneio nacional. A equipe catarinense é a penúltima da tabela, com apenas três pontos conquistados. Ainda sem vencer no campeonato, o Leão da Ilha só pontuou em empates.

Jogando na Ressacada, a equipe do sul somou dois empates, contra Grêmio e CSA, e uma derrota, para o Ceará. Já o São Paulo tem retrospecto melhor como visitante neste Brasileiro, com vitórias sobre Goiás e Fortaleza e revés para frente ao Corinthians.

Com a semana livre para treinar, Cuca comandou as atividades sem Arboleda, que está com a seleção equatoriana se preparando para a Copa América, e Antony, que disputa o Torneio de Toulon com a Seleção Brasileira sub-23. Tchê Tchê, que chegou a perder o treinamento da quarta-feira devido a dores musculares, retornou a campo na quinta-feira e deverá jogar normalmente.

Hernanes, que foi para a Itália para resolver problemas pessoais, tem retorno previsto para esta sexta-feira e ainda não há indicação se ele terá condições para jogar em Florianópolis.

Em busca da primeira vitória

No lado dos mandantes, o técnico Geninho indicou quatro mudanças na equipe em busca da primeira vitória no Campeonato Brasileiro e um respiro na zona da degola.

Por escolha do comandante, Ricardo e Getúlio entraram nos lugares de Matheus Barbosa e Gegê no meio-campo. No ataque, Matheus Matias sai para o retorno de Brenner, que não jogou contra o Internacional devido a contrato com a equipe gaúcha. Já na defesa, Kunde deve substituir Marquinhos Silva, que sentiu dores no joelho e é dúvida para a partida.

“Em casa nós temos que tentar impor o nosso ritmo de jogo, acho que só de uma maneira um pouco mais equilibrada entre primeiro e segundo tempo, para que a gente possa manter o mesmo nível nas duas metades”, disse o experiente zagueiro Betão.

Perguntado se este é o momento ideal para bater o São Paulo, o defensor relatou: “a única equipe que não tem turbulência no Campeonato Brasileiro é o Palmeiras, o resto tem todas”, disse. “Nós estamos em turbulência porque não conseguimos a primeira vitória, o São Paulo está em turbulência porque não está em uma sequência boa, então acho que isso não interfere em nada”, pontuou o capitão da equipe.

Retrospecto

As duas equipes já se enfrentaram 16 vezes na história. São nove vitórias do São Paulo, quatro empates e outros dois triunfos do Avaí. O Tricolor já balançou as redes 26 vezes neste duelo, enquanto o adversário marcou 13 gols. O clube do Morumbi ostenta 65% de aproveitamento.

Nos últimos encontros, disputados no Brasileiro de 2017, o São Paulo venceu no Morumbi por 2 a 0 e empatou na Ressacada por 1 a 1.

FICHA TÉCNICA
AVAÍ X SÃO PAULO

Local: Estádio da Ressacada, Florianópolis (SC)
Data: Sábado, dia 8 de junho de 2019
Horário: 21h (de Brasília)
Árbitro: Caio Max Augusto Vieira (RN)
Assistentes: Alessandro Alvaro Rocha de Matos (BA) e Jean Marcio dos Santos (RN)
VAR: Pathrice Wallace Corrêa Maia (RJ)

AVAÍ: Vladimir, Lourenço, Betão, Kunde e Igor Fernandes, Pedro Castro, Ricardo, Getúlio e João Paulo, Caio Paulista e Brenner.
Técnico: Geninho.

SÃO PAULO: Tiago Volpi; Hudson, Bruno Alves, Anderson Martins e Reinaldo; Luan, Tchê Tchê e Igor Gomes; Vitor Bueno (Everton), Pato e Toró.
Técnico: Cuca.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*


Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.