São Paulo tem segunda pior pontaria e faz Ceni insistir em fundamentos

Na beira da zona de rebaixamento e sem vencer há cinco jogos, o São Paulo sofre com a falta de pontaria de seus jogadores. Nas dez rodadas já disputadas no Campeonato Brasileiro, o time de Rogério Ceni chutou 132 vezes, mas 93 dessas bolas não foram na direção do gol. De acordo com o Footstats, o Tricolor é o segundo time com mais finalizações erradas no torneio, atrás apenas da Chapecoense, com 96 finalizações erradas. O Corinthians é o que menos erra, com apenas 55 chutes errados em 97 tentativas.

O pior desempenho tricolor foi na derrota para o Atlético-PR: 22 finalizações erradas e apenas cinco certas. A melhor foi no triunfo sobre o Vitória, mas mesmo assim o time errou bastante: nove certas e oito erradas. Contra o Sport o time acertou apenas um dos sete chutes que arriscou na direção do gol.

A performance em cruzamentos também deixa a desejar. Foram 205 erros e 60 acertos nos dez jogos disputados até agora. Os piores desempenhos foram foram no triunfo sobre o Palmeiras – 17 cruzamentos errados e um certo – e no tropeço antes o Atlético-PR – 33 errados e 11 certos.

Rogério Ceni está ciente da deficiência da equipe e aproveita a semana livre de compromissos para ajudar as finalizações e cruzamentos. Na quarta-feira, o técnico comandou um treino específico dos fundamentos para os titulares e participou ativamente, chegando a marcar seus comandados.

Araruna, Marcinho, Denilson e Junior Tavares, marcados de perto por Rodrigo Caio e Lugano, foram os mais cobrados nos treinos de cruzamentos. Thiago Mendes e Jucilei foram orientados a chutar e procurar Cueva para armar cruzamentos, enquanto Pratto se posicionou para finalizar. O goleiro Renan Ribeiro, que tem tido atuações de destaque nos últimos jogos, ajudava Ceni a ajustar o posicionamento dos defensores.

O São Paulo volta a treinar na manhã desta quinta-feira, visando o jogo contra o Flamengo, domingo, na Ilha do Urubu. Parte da atividade será fechada à imprensa. Será mais uma oportunidade para Ceni orientar seus atletas e aprimorar os fundamentos para, enfim, reencontrar o caminho das vitórias. O time já igualou a pior sequência do ano e pode bater recorde negativo no Rio.

 

Fonte: Lance

3 comentários em “São Paulo tem segunda pior pontaria e faz Ceni insistir em fundamentos

  1. Bola cruzada da linha de fundo tem que ser meio gol, tem que aproveitar os zagueiros estão virados para seu gol e isso dificulta para eles tremendamente e os atacantes tem a vantagem de chutarem de frente.

  2. Sempre que a bola pingar na área seja da linha de fundo para traz ou da lateral tem que ter sempre no mínimo três atacantes na espera, um no primeiro pau outro no segundo e o terceiro entrando pelo meio próximo a marca do penalte , isso não vem acontecendo apesar dos inúmeros cruzamentos que tem acontecido. É difícil achar um centro atacante que se vira sozinho. Faça isso que vai dar certo. Temos o problema do preparo físico que pode não estar ajudando.

  3. tem q treinar tabelas, inflitrações, saida rapida no contra ataque, e principalmente chutes a gol, cruzamentos com o time todo atrás fica dificil mesmo acertar… precisamos mais velocidade, o curintia e o palmeira, os jogadores voam em campo os nossos andam, no maximo correm desde anos para cá, nossa preparo físico é pífio, precisamos de preparação fisica de ponta, pra mim é o grande trunfo do cúrintia, jogadores meia boca com um excelente preparo fisico

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*