São Paulo projeta expansão e quer protagonismo nos eletrônicos

A entrada dos clubes de futebol no cenário de eSports é uma tendência cada vez maior no Brasil. Satisfeito com a repercussão positiva da parceria com o PES 2019, jogo no qual é exclusivo, o São Paulo já mira exemplos no exterior e estuda maneiras de entrar no mercado para se destacar perante os concorrentes.

– Os eSports são uma realidade. Você pega o Paris Saint-Germain, por exemplo, e vê que já está em outras modalidades. Sem dúvida nenhuma vamos expandir esse trabalho. O São Paulo sempre teve a marca do protagonismo e do pioneirismo. Vamos trabalhar para entrarmos como protagonistas – disse Luiz Fiorese, diretor executivo de marketing do clube, em entrevista ao SporTV.com.

Um bom termômetro para a diretoria tricolor foi a marca do Pro Evolution Soccer estampada na camisa do clube. De acordo com Fiorese, a repercussão foi extremamente positiva, o que encoraja ainda mais o clube a estudar com atenção outras formas de trabalhar com eSports.

– Quando fizemos o anúncio da parceria, a nossa torcida recebeu de uma forma absolutamente especial. Ouvi algumas vezes nos últimos dias, dos torcedores, onde eles poderiam comprar uma camisa com o PES estampado. Queremos sempre estar ao lado dos maiores e dos melhores – explicou o dirigente.

Ao contrário do Corinthians, que fez uma parceria com a RED Canids para disputar o Campeonato Brasileiro de League of Legends, o São Paulo pretende traçar o próprio projeto – como já fizeram o Flamengo, semifinalista da atual edição do CBLoL, e o Santos, que conta também com um time de LoL e uma equipe feminina de CS:GO.

– Ter o trabalho em casa dá a tendência de um trabalho mais produtivo e mais controlado. Eu imagino que esse nosso primeiro passo seja para ter uma equipe própria do São Paulo Futebol Clube – afirmou Fiorese.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*