São Paulo jogará clássico de domingo com o que tiver de melhor

A partida contra o Corinthians passou a ser prioridade para o São Paulo assim que terminou o jogo diante do Atlético-MG, na noite de quinta-feira, pela Copa Libertadores da América. Apesar do desgaste contra a equipe mineira, o técnico Ney Franco prometeu escalar força máxima no clássico de domingo, pela semifinal do Campeonato Paulista.

“Será um jogo totalmente diferente, que vale a passagem para a final. Agora é o momento de usar toda a estrutura do nosso CT, não só na parte física, mas também os profissionais que trabalham na fisioterapia, no departamento médico, na preparação física… Vamos recuperar esses jogadores fisicamente para o jogo de domingo e, posteriormente, para quarta-feira também”, afirmou o treinador.

A principal mudança na equipe titular será o retorno de Luis Fabiano, que cumpriu suspensão na Libertadores e reassume seu posto, aproveitando o espaço deixado por Aloísio, lesionado. Além disso, Ney Franco também confirmou a manutenção de Lúcio na formação principal, mesmo depois da expulsão do pentacampeão contra o Galo, que complicou bastante a situação do Tricolor no torneio continental.

Agora, a ordem de Ney Franco é restabelecer o nível físico ideal do elenco, já que não demonstra preocupação com a parte psicológica do time, pois não acredita em desmotivação no Paulista depois do resultado negativo em casa na Libertadores.

“Não influencia. O único detalhezinho é que, além de termos jogado na quinta, finalizamos o jogo com um a menos e tivemos uma entrega muito grande na parte física. Agora, nos cabe ter competência para recuperar esses jogadores fisicamente. Este é o nosso grande desafio”, acrescentou.

Desde que terminou o jogo contra o Atlético, Ney Franco passou a usar o apoio da torcida como exemplo para a equipe. Como recebeu incentivo mesmo após a derrota, o treinador já sabe o que esperar dos são-paulinos no domingo, quando seu time terá o mando de campo contra o Corinthians.

“Nossa torcida abraçou os atletas na saída e acho que vem no domingo também para nos ajudar no jogo contra o Corinthians. Será outro confronto, em uma competição diferente e ninguém tem a vantagem. Estaremos inteiros física e emocionalmente com nosso torcedor ao lado de novo”, encerrou.

 

Fonte: Gazeta Esportiva

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*