São Paulo foca apenas em treinos físicos após golear em jogo-treino

O elástico resultado obtido no jogo-treino do último domingo não livrou os jogadores do São Paulo de uma intensa bateria de treinamentos físicos nesta segunda-feira. Após golear o Grêmio-SP por 9 a 1, a equipe voltou aos gramados do CFA de Cotia para aprimorar o condicionamento. O grupo apenas correu nos circuitos montados pela comissão técnica e encerrou o trabalho da manhã sem tocar bola.

As atividades foram separadas em dois turnos distintos. A primeira parte contou com todos os jogadores em testes que envolviam levantamento de peso, trabalhos aeróbicos e piques. Já na segunda metade do treino, a comissão de Ney Franco separou o time em grupos distintos e ordenou a corrida em tornou de obstáculos dispostos no gramado.

Confirmado como titular no primeiro jogo da pré-Libertadores, contra o Bolívar, o lateral Douglas só participou do primeiro treinamento. O atleta calçou tênis no restante das atividades e correu em torno dos gramados do CFA. Ney Franco, por sua vez, observou as movimentações em silêncio e se envolveu em uma longa conversa com o diretor de futebol Adalberto Baptista. O dirigente trouxe um calhamaço de papel para o treinador e manteve em sigilo o assunto tratado em um dos quiosques de Cotia.

O São Paulo terá mais uma etapa de treinamentos durante o período da tarde desta segunda-feira. A atividade será feita com portões fechados e focará mais uma vez na preparação do clube para a estreia no Campeonato Paulista e pré-Libertadores. Apesar de todo o foco estar voltado para o primeiro jogo no torneio continental, o Tricolor estreará em 2013 contra o Mirassol, no próximo sábado, no estádio do Morumbi.

Negueba tem repouso estendido antes da fisioterapia –  Operado após romper os ligamentos do joelho na pré-temporada, o atacante Negueba teve a sua folga ampliada pela comissão técnica. O jogador descansará até esta terça-feira e retornará ao CFA para iniciar as sessões de fisioterapia. A expectativa para o seu retorno aos gramados é de seis meses.

 

Fonte: Gazeta Esportiva

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*