São Paulo fecha 2016 com superávit de R$ 1 milhão

O São Paulo conseguiu uma proeza. Depois de dois anos com as finanças no vermelho, o Tricolor fechou 2016 com superávit de R$ 1 milhão, graças ao aumento das receitas e redução das despesas. Mas o diretor financeiro do clube, Adilson Alves Martins, afirma que a situação ainda não está totalmente sanada, haja visto os empréstimos tomados no final do ano para pagamento do décimo-terceiro salário.

Nos dois anos anteriores (2014 e 2015), o déficit acumulado foi de R$ 180 milhões, elevando a dívida para R$ 359 milhões no final de 2016. O São Paulo, então, usou dinheiro da Libertadores, vendas de jogadores e luvas da tv para o pagamento das dívidas.

O faturamento bruto em 2016 foi de R$ 380 milhões, sendo R$ 22 milhões obtidos na Libertadores e R$ 105 milhões com negociação de jogadores, principalmente com vendas de Ganso e Kardec.

A dívida bancária em 2016 ficou em R$ 145 milhões, bem abaixo dos R$ 170 milhões do final de 2015, mas bem acima do que era no meio do ano em razão do novo empréstimo. O diretor financeiro avalia que o clube ecomizou algo em torno de R$ 20 milhões de pagamento em juros. Ele ainda prevê déficit de R$ 4 milhões em 2017, que será pequeno, considerado a anos anteriores, mas só será possível se for mantida a política de aumentar a receita e reduzir as despesas.

 

Paulo Pontes

 

 

6 comentários em “São Paulo fecha 2016 com superávit de R$ 1 milhão

  1. O tricolor apaixonado. O balanço não será maqueado. Ele passará, exatamente, a posição econômica e financeira em 31 de dezembro. Alongar o perfil da dívida, não é maquiagem. É óbvio que ter dívidas, principalmente, nos montantes apresentados, não é salutar. Mas não tem nada a ver com maquiar balanço.

  2. Bom trabalho da direção, mas ainda falta muito, temos um grande caminho a percorrer e se não fizermos ficaremos pra trás (principalmente do fla e palmeiras). O clube está nessa situação por culpa dessas mesmas pessoas que hoje estão na presidência, portanto a situação tem a obrigação de colocar em prática o novo estatuto e melhorar em tudo a gestão. O SPFC precisa entrar no séc XXI.

  3. Na verdade, contraiu dívida bancária pra não pegar adiantamento da Globo e evitar de se estrepar lá na frente…precisaremos vender urgente uma jóia da base, pelo visto.

  4. Só empurrou a dívida para frente pegou mais emprestimos e isso maqueia o balanço.
    Enquanto não acabarem com as despesas excessivas não conseguem diminuir a dívida.
    Isso apresentado é pegadinha do malandro.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*