São Paulo está cauteloso para contratar um novo lateral-direito

Cuca admitiu na última segunda-feira, após a vitória contra a Chapecoense, que ainda espera a chegada de um lateral-direito para fechar o elenco do São Paulo para a disputa do Campeonato Brasileiro.

O Tricolor, no entanto, não vê desespero para contratar um jogador para a posição. Atletas como Adriano, que fechou com o Athletico, e Gilberto, do Fluminense, chegaram a ter conversas, mas as negociações não avançaram.

A cautela do São Paulo em relação à contratação tem a ver com as opções que o elenco pode fornecer ao técnico Cuca. Embora tenha apenas Igor Vinícius como lateral-direito de ofício, o treinador tem outras alternativas no grupo.

  • Hudson: o volante atuou praticamente todos os jogos sob o comando de Cuca na lateral direita. Em conversas com o treinador, porém, ele expôs a vontade de voltar a disputar uma vaga no meio de campo. No último jogo, contra a Chapecoense, Hudson ficou no banco de reservas. Igor Vinicius foi o titular. Isso não quer dizer que Hudson não possa voltar a atuar na lateral. O atleta está à disposição para ajudar em casos específicos.
  • Walce: zagueiro/lateral/volante. O jogador é polivalente e pode jogar nas três posições. Em sua estreia como profissional, diante do Flamengo, na terceira rodada do Brasileirão, Walce começou o jogo como lateral-direito. Em determinados momentos da partida foi volante, mas terminou como zagueiro. No treino da última quarta-feira, Igor Vinicius sentiu dores musculares, deixou a atividade mais cedo, e Walce foi o substituto na lateral.
  • Tchê Tchê: a polivalência do jogador foi uma das principais características que fizeram com que Cuca pedisse a sua contratação. Além de volante, Tchê Tchê mostra desenvoltura na lateral. Pelo São Paulo, ele já foi utilizado na função em determinados momentos.
Hudson também atua como lateral com Cuca — Foto: Rubens Chiri / saopaulofc.net

Hudson também atua como lateral com Cuca — Foto: Rubens Chiri / saopaulofc.net

Na semana passada, o São Paulo fez um jogo-treino contra o Votuporanguense, no CT da Barra Funda, e Calazans atuou na lateral direita durante toda a atividade. Testado no setor, ele mostrou dificuldade na marcação e recebeu cartão amarelo.

A janela de transferências no Brasil para contratar atletas do exterior fecha no dia 31 (próxima quarta-feira). Não há neste momento uma negociação engatilhada para o setor. O clube observa oportunidades de mercado, como atletas em fim de contrato ou que não exijam alto investimento.

Para o próximo sábado, no duelo contra o Fluminense, pela 12ª rodada do Brasileirão, às 19h, no Maracanã, Cuca deve voltar a escalar Igor Vinicius. O jogador foi importante para a vitória por 4 a 0 sobre a Chapecoense. O quarto gol, marcado por Vitor Bueno, saiu de uma assistência do lateral.

Fonte: Globo Esporte

Um comentário em “São Paulo está cauteloso para contratar um novo lateral-direito

  1. Joga no 4x1x4x1 com Pato e Hernanes centralizados, bem como com tchê-tchê na lateral.

    Hernanes fecha o lado direito com Antony e Pato o esquerdo com Everton.

    Volpi
    Tchê-tchê/Bruno/Arboleda/Reinaldo
    Luan
    Anthony/Hernanes/Pato/Everton
    Raniel

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*


Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.