São Paulo contrata Thomaz, meia que estava no Jorge Wilstermann

O São Paulo confirmou na tarde desta quarta-feira a contratação do meia brasileiro Thomaz Santos, de 30 anos, que estava no Jorge Wilstermann. O Tricolor pagou a multa rescisória de 80 mil dólares (R$ 248,8 mil) e o atleta receberá aproximadamente R$ 50 mil mensais.

– O Thomaz é um meia de condução de bola, incisivo, que foi apresentado pelo nosso departamento de análise de desempenho e, na minha opinião, se mostrou um jogador muito interessante. Ele pode ajudar bastante o São Paulo nesta temporada. A chegada dele, porém, não fecha a possibilidade de trazer novos reforços – afirmou Ceni ao site oficial do clube.

Camisa 10 do Wilstermann, Thomaz, nascido em São Paulo e naturalizado boliviano, esteve em campo na partida entre Wilstermann e Palmeiras, no último dia 15, pela segunda rodada da fase de grupos da Copa Libertadores.

O reforço tricolor teve passagens pela base do Corinthians entre 2003 e 2004 e pelo Juventus-SP e Internacional nos anos seguintes. Depois, jogou por Grêmio Barueri (2007), Chiasso-SUI (07/08 e 08/09), Avaí (2008), Ventura Fusion-EUA (2010), Rio Claro (2010), Hercílio Luiz (2011), Caxias (2011), Imbituba (2011), Audax (2012), Rio Branco-AC (2012), Marcílio Dias (2012), Inter de Lages (2013), Treze (2013), Gurupi (2013), Brasiliense (2014) e Jorge Wilstermann, clube o qual defende desde 2014. O São Paulo será seu vigésimo clube.

 

Fonte: Lance

4 comentários em “São Paulo contrata Thomaz, meia que estava no Jorge Wilstermann

  1. Meuuuuuuuuuuuu Deuuuuuuuuuus !!!!!

    A que ponto chegamos……….

    Será que esses caras que indicaram esse “excelente” reforço não conhecem a situação do Everton Ribeiro…..??????

  2. Eu o assisti jogando contra as pepas e ele foi muito bem, apesar da idade posso apostar que joga muito mais que o Neilton, e de repente essa mescla com os mais novos pode dar certo. Se acertar no time o tricolor terá feito um ótimo negócio.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*