São Paulo contrata analista ex-Corinthians e faz investimentos

O São Paulo contratou o analista de desempenho Carlos Vargas, ex-Corinthians. A informação foi publicada inicialmente pelo “Yahoo” e confirmada pelo GloboEsporte.com.

Carlos Vargas começou a trabalhar nesta semana no CT da Barra Funda. Além dele, o São Paulo procura mais dois novos scouts voltados prioritariamente para o mercado da bola. A ideia é expandir o departamento de análise de desempenho, usado para observar possíveis novos reforços e também para avaliar adversários.

Carlos Vargas é o terceiro profissional a trocar o Corinthians pelo São Paulo. Antes, Luiz Felipe Batista e Raony Tadeu também seguiram o mesmo caminho.

Os dois atuais analistas de desempenho do São Paulo, aliás, passarão 11 dias na Inglaterra neste mês de dezembro.

Com auxílio do São Paulo e de jogadores brasileiros que atuam na Inglaterra, Luiz Felipe e Raony acompanharão treinos e jogos de equipes como Liverpool, West Ham, Crystal Palace e Tottenham. O Tricolor pretende investir no desenvolvimento desta área, além da contratação de novos profissionais, com esse tipo de ação.

Após a saída de Diego Aguirre, Luiz Felipe e Raony passaram a se revezar como auxiliares de campo do técnico André Jardine. Eles também participam dos treinamentos no dia a dia do CT da Barra Funda.

Para 2019, André Jardine vai montar sua comissão técnica. Provavelmente o treinador terá mais dois auxiliares de campo.

Até o momento, o São Paulo acertou as contratações do lateral-direito Igor Vinicius (fez exames, foi ao CT da Barra Funda na segunda-feira e tem acordo por empréstimo) e do lateral-esquerdo Léo Pelé (negociação apalavrada pela compra definitiva; o jogador deverá assinar por quatro anos).

 

Fonte: Globo Esporte

7 comentários em “São Paulo contrata analista ex-Corinthians e faz investimentos

  1. Pra contratar baciada de perebas precisa contratar um profissional?
    Será que ninguém ni SPFC consegue analisar e avaliar um bom jogador?
    O SPFC está cada vez mais perdido e sem rumo, é uma caricatura torta e mal feita do que um dia fomos se transformando naquilo de pior que um dia foram a escória e as peppas.

  2. A profissão mais superestimada do futebol. Eu também sou analista de desempenho. Nas minhas análises, estou indicando para o São Paulo o Everton do Grêmio, o Dudu, o Nico López, o Gabigol, o Bruno Henrique, o Cassio, o Grohe.
    Jogador bom não precisa de analista.

  3. Só o Corinthians tem esse tipo de profissional no Brasil? Saíram de lá por convite do SPFC ou foram demitidos? O sistema de scout com os profissionais tem até agora “acertado” Edimar, Thomas, Maicossuel e agora Igor Vinicius e Leo Pelé… vamos ampliar o grupo de incompetentes que lá existem com alinhados do mesmo ex-clube? Não existe contra-pontos?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*