São Paulo condiciona reforço para a zaga à volta de Rafael Toloi

Depois de se destacar em 2012, Rafael Toloi não teve um bom ano em 2013 e foi emprestado à Roma (ITA) para ganhar experiência. A passagem que seria breve, porém, tornou-se uma sequência como titular na equipe italiana e pode frustrar os planos da comissão técnica do São Paulo.

Muricy Ramalho é fã do futebol do beque revelado no Goiás e já pediu o fim do empréstimo aos romanistas. O vice-presidente de futebol Ataíde Gil Guerreiro, então, deu início às conversas para concretizar mais um desejo do treinador são-paulino.

– Nós queremos muito que o Toloi retorne, porque aí não precisaríamos contratar ninguém para a posição. O problema é que ele tem se firmado nos últimos jogos e a Roma pode querer contratá-lo. Temos que esperar – explicou o dirigente.

A saída em definitivo de Toloi para a Roma, no entanto, pode não ser um prejuízo tão grande. Se a venda for concretizada, o dinheiro recebido poderia ser utilizado para compensar os 4,5 milhões de euros (R$ 13,9 milhões) investidos em Alan Kardec ou para buscar novo reforço para a defesa.

O Tricolor ainda espera pela volta de Breno, que segue preso na Alemanha acusado de colocar fogo em sua própria casa e deve retornar ao Brasil no mês de junho. Já o jovem Lucas Silva negocia renovação de contrato, mas as conversas ainda não avançaram.

Fonte: Lance

Um comentário em “São Paulo condiciona reforço para a zaga à volta de Rafael Toloi

  1. A saída de Rhodolfo e Tolói do clube são inexplicáveis sem uso de malícia. Que diretoria empresta atleta titular? E quem empresta o reserva e passa a usar um volante na posição? As mesmas pessoas que contratam um monte de atletas desconhecidos do mesmo empresário, inclusive um zagueiro que não conseguiu jogar uma partida sequer pelo time….

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*