São Paulo aposta no Pacaembu para afugentar rebaixamento

Dono de uma campanha sofrível fora de casa, o São Paulo aposta no fator campo para afugentar o risco de rebaixamento no Campeonato Brasileiro. Com o Morumbi reservado para shows até novembro, o Tricolor terá uma sequência de dois jogos seguidos no Pacaembu como mandante.

O primeiro será contra o Flamengo, neste domingo, às 17 horas (de Brasília), pela 30ª rodada. Depois, o adversário será o Santos, no dia 28, um sábado. A série no estádio municipal é vista com otimismo pelo elenco, que tem recebido constantemente grande apoio das arquibancadas – os quatro maiores públicos da competição foram registrados em jogos do São Paulo, no Morumbi.

“A torcida tem nos apoiado desde o começo da temporada, e este incentivo é fundamental para buscarmos um resultado positivo”, ressaltou o goleiro Sidão. No último sábado, na primeira partida de uma série de cinco no Pacaembu, com mais de 25 mil pagantes, a equipe treinada por Dorival Júnior buscou uma virada por 2 a 1 em cima do Atlético-PR, resultado que a tirou da zona de descenso.

“Contra o Atlético-PR, a nossa torcida jogou com o time e nos ajudou em busca da vitória. E que a gente consiga repetir isso contra o Flamengo. Precisamos vencer e fazer valer o nosso mando de campo. Será um jogo difícil, mas temos que pontuar para subir na tabela”, projetou o zagueiro Arboleda.

“Fizemos um grande jogo no sábado. Não é porque vamos jogar no Pacaembu que vamos deixar de estar em casa. O Pacaembu também nos proporciona uma possibilidade de um ótimo espetáculo”, afirmou o técnico Dorival Júnior.

No São Paulo, a esperança de seguir na primeira divisão nacional está nos jogos em casa. Como visitante, o time é o segundo pior do Brasileirão, com duas vitórias, dois empates e 11 derrotas, sendo a última delas para o Fluminense, por 3 a 1, no Maracanã, na quarta-feira.

“Infelizmente fomos derrotados na última rodada, e precisamos reagir de novo. Temos que aproveitar esta série como mandante para pontuar e, assim, nos distanciarmos dos últimos lugares. São partidas duras, mas contaremos com o apoio da nossa torcida”, ponderou o meia-atacante Marcos Guilherme.

Com o revés para os cariocas, o São Paulo caiu para o 15º lugar, com 34 pontos, apenas dois acima da zona de rebaixamento. Para o embate com o Flamengo, Dorival Júnior faz mistério total e a equipe treinará com os portões do CCT da Barra Funda fechados nesta sexta e sábado.

 

Fonte: Gazeta Esportiva

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*