São-paulinos minimizam derrota e exaltam retranca da Chapecoense

Os são-paulinos preferiram minimizar a derrota por 1 a 0 para Chapecoense neste sábado (19) no Estádio do Morumbi, pela 11ª rodada do Campeonato Brasileiro. De acordo com os atletas, é necessário dar mérito à equipe rival, que soube se fechar no Estádio do Morumbi.

“A proposta de jogo deles era muito bem feita, se defenderam muito bem. Nunca vi um time se defender assim”, disse Rogério Ceni.

Alan Kardec, que teve atuação discreta e perdeu uma chance de gol cara a cara quando o placar ainda estava 0 a 0, chegou até a pedir que a torcida o culpasse pela derrota.

“Sabíamos que a vitória era importante, mas foi questão de oportunidade. Eu tive uma falha individual, não fiz o gol que tive a chance. Não se pode colocar o trabalho da equipe em xeque por causa disso. Foi difícil de entrar na zaga deles”, afirmou o camisa 14 que havia estreado com um gol.

Ganso seguiu a mesma linha. Pediu para que o trabalho da equipe não fosse colocado em dúvida, uma vez que a vitória não veio por erros individuais.

“Nós tivemos a bola no pé e não fizemos. Eles tiveram uma, em um erro de marcação nosso, e eles fizeram. Todo mundo ajudou a perder. Eu tive a chance, o Kardec.. todo mundo teve. A equipe deles estava bem fechada e faltou a gente caprichar mais”, afirmou o meio-campo.

A próxima chance para o São Paulo caprichar acontece no próximo domingo, às 16h, no Serra Dourada, contra o Goiás.

 

Fonte: Uol

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*