Rodrigo Caio deve jogar na Itália e Inter de Milão é opção mais forte

Há tempos na mira de clubes do exterior, Rodrigo Caio já tem um provável destino caso a negociação seja concluída agora. Alexandre Pássaro, advogado do São Paulo, está na Europa e encaminha conversas para que o jogador atue no futebol italiano, com a Inter de Milão como opção mais forte.

​O advogado do Tricolor viajou exatamente para tratar a situação, que pode ser resolvida em breve. A venda do zagueiro é importante para reforçar o caixa do clube e, também, ampliar a possibilidade de contratação de um meia, como pede Rogério Ceni. Os valores envolvendo Rodrigo Caio ainda são mantidos sob sigilo.

O defensor de 23 anos, campeão olímpico em 2016 e convocado nesta sexta-feira por Tite para defender a Seleção Brasileira em amistosos no mês que vem, renovou recentemente seu contrato com o São Paulo até outubro de 2021. Mas há um acordo para que ele seja negociado caso apareça uma proposta vantajosa a ele e ao clube.

Rodrigo Caio sempre deixou claro seu desejo de atuar na Europa e já esteve perto de ser vendido ao Monaco (FRA), em 2014, e ao Atlético de Madrid (ESP), em 2015. Na última janela de transferências, ele recusou uma oferta do Hamburgo (ALE). Mas não deve se opor a um convite da Inter de Milão, um dos principais clubes do mundo.

Caso seja concluída, a venda de Rodrigo Caio será a terceira no ano de um jogador formado em Cotia para o futebol europeu – no início do ano, o zagueiro Lyanco foi para o Torino (ITA) por cerca de R$ 20 milhões, que podem chegar a R$ 26 milhões caso o jogador atinja metas no clube italiano, e o atacante David Neres foi ao Ajax (HOL) por valor que pode chegar a pouco mais de R$ 50 milhões.

As negociações são consideradas importantes por conta das dívidas de mais de R$ 100 milhões do clube do Morumbi e, também, para arrecadar dinheiro para reforços, como aconteceu com a contratação do atacante argentino Lucas Pratto por cerca de R$ 22 milhões.

Se Rodrigo Caio sair, aumenta a força para contratação do meia solicitado pelo técnico Rogério Ceni e já pode existir um substituto no elenco: Éder Militão, de 19 anos, que estreou entre os profissionais no último domingo e, como Rodrigo Caio, também pode atuar como zagueiro ou volante.

 

Fonte: Lance

9 comentários em “Rodrigo Caio deve jogar na Itália e Inter de Milão é opção mais forte

  1. Eu discordo quanto a Breno totalmente recuperado, gostaria de vê-lo primeiramente jogando em outro clube todo o campeonato antes de bater o martelo de “totalmente recuperado”.
    Precisamos de um zagueiro com preparo físico suficiente para aguentar a maioria dos jogos do campeonato brasileiro.
    No Paulista cansei de ver os atacantes subindo do seu lado e fazendo gols na área, e ele parecendo que estava plantado no chão. A desculpa é que tinha perdido o tempo de bola, como se para recuperar isso precisasse de uma pré-
    temporada inteira e mais uma parte do campeonato, sem contar os treinamentos diários.
    Lugano com muito mais idade mostrava muito mais vigor físico do que Breno, que se mostrava apagado.
    Se o emprestaram é porque não confiam que pode dar conta do recado, isso é obvio, e RC não nenhum idiota em dispensar quem poderia ajudar o grupo.

  2. PP, veja como nosso planejamento é amador, ano passado tínhamos 4 laterais esquerdos, se desfizemos de 3 deles (Mena, Reinaldo e Matheus Reis) e ficamos com apenas o Júnior Tavares, que subiu esse ano, depois no desespero contratamos a 4° opção do Cruzeiro ganhando 3 vezes o que o titular, será que é por isso que o Junior caiu de produção?

    Agora a mesma coisa, vendendo o promissor Lyanco e emprestamos o Breno, se vendermos o Rodrigo Caio, será outro desespero e vão contratar a 4° da portuguesa, isso é planejando?

  3. E o Breno, na minha opinião o melhor zagueiro de todos que lá estão, foi dispensado.
    Acho que a Diretoria deveria explicar, abertamente, o porque dessa saída.
    Ele estava com má vontade? A sua situação médica não era boa?
    Tecnicamente ele é melhor que o Maicon, o Rodrigo Caio e os demais.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*