Recém-chegado ao São Paulo, trio mora no CT e reforça amizade

Em um mundo moderno, de start-ups e empresas pregando espírito jovem, a prática do home office está cada vez mais comum. Acordar mais tarde, evitar trânsito e viver uma vida mais confortável é o que atrai as pessoas para trabalhar de casa. E é essa experiência que três dos novos contratados do São Paulo estão desfrutando nas primeiras semanas da temporada.

O goleiro Tiago Volpi, o volante Willian Farias e o atacante Pablo optaram por morar no CT da Barra Funda no começo de suas caminhadas no Tricolor. Normalmente, apenas garotos da base, que ainda não têm carro ou apartamento, tomam essa decisão. Mas o trio mostra paciência na busca por imóveis na capital paulista e, por enquanto, aproveita as instalações do clube para descansar e reforçar laços de amizade.

Volpi e Pablo já são amigos de longa data. Atuaram juntos no Figueirense, quando chegaram até a passar férias juntos em Cancún, no México. Farias se juntou a eles neste ano e rapidamente se enturmou – a facilidade do volante em se entrosar no elenco, inclusive, tem sido muito elogiada.

As horas vagas são marcadas por conversas e passatempos no CT e saídas para jantar. No último fim de semana, animados pela estreia no Campeonato Paulista com goleada por 4 a 1 sobre o Mirassol, o trio foi até o restaurante especializado em carnes nobres Figueira Rubaiyat, no bairro Jardim Paulista, em São Paulo.

A contratação de Farias foi muito rápida, e ele teve poucos dias entre o acerto, a apresentação no clube e a viagem para os Estados Unidos. Por isso ficou sem tempo para providenciar uma casa ou um apartamento. Pablo teve até mais dias, na teoria, mas dedicou suas férias a ficar em Londrina, no Paraná, ao lado da esposa, que pode dar à luz ao primeiro filho já em fevereiro.

Já Volpi estava em atividade no México e também enfrentou correria para viajar ao Brasil, assinar com o Tricolor e seguir com o grupo para a pré-temporada em Orlando. Além disso, ele e Farias têm contratos de apenas um ano inicialmente, o que torna a busca por imóveis ainda mais cautelosa.

 

Fonte: Uol

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*


Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.