Raí vê vaga na Libertadores como prioridade do ano para o São Paulo

O ex-jogador Raí está confiante no segundo semestre do São Paulo. Com a chegada de Alan Kardec e o retorno de Kaká, o ex-jogador afirmou que as contratações feitas pelo o clube foram ousadas e que a equipe de Muricy Ramalho tem condições de subir ainda mais no Campeonato Brasileiro – vale lembrar que o Tricolor é o quatro colocado da tabela, com 16 pontos conquistados.

Ídolo do clube com uma lista extensa de títulos, Raí acha que a prioridade do São Paulo deve ser a busca pela vaga na Libertadores de 2015. Ele citou o tempo de preparação da equipe nos Estados Unidos durante a paralisação do Campeonato Brasileiro como ponto positivo para a equipe se “encaixar”.

– O clube fez contratações ousadas, tem tudo para voltar aos primeiros lugares. A prioridade tem de ser a Libertadores, que a torcida é apaixonada. O Muricy teve problemas para trabalhar o time, mas agora teve tempo e pode ficar o ideal – disse, ao LANCE!Net.

Nesta terça-feira, confira no LANCE! a entrevista exclusiva com Raí. O ex-jogador comentou sobre o retorno de Kaká ao São Paulo.


Fonte: Lance

3 comentários em “Raí vê vaga na Libertadores como prioridade do ano para o São Paulo

  1. Caro Paulo Pontes, acompanho diariamente seu site e me preocupa o fato de a partir de hoje estarmos sem patrocínio master. Não vejo nenhuma notícia com alguma evolução nesse sentido, apesar da iminente chegada de Kaká e do último semestre como jogador profissional do mito Rogério Ceni. Temos certeza de casa cheia e muita exposição na mídia nesse segundo semestre, e o departamento de marketing tem o dever de se movimentar em busca de algo. Se souber algo sobre o assunto e puder nos manter informado, ficaremos gratos.

    • Dayram, até esse momento não há qualquer novidade em relação ao patrocínio master. A vinda de Kaká prevê estádios lotados e, principalmente, a idéia de alavancar sua imagem ao marketing do clube e obter o patrocínio. Mas, mesmo assim, está difícil e o novo departamento de Marketing do São Paulo tem me decepcionado muito.

      • Não podemos ficar dependendo de patrocínios de ocasião, pontuais, nossa folha de pagamento está inflada. Rezemos por alguma solução… Abraço Paulo

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*