Queda no segundo tempo é problema para o São Paulo resolver no Brasileiro

A queda de rendimento no segundo tempo dos jogos atormenta o São Paulo. O técnico Ricardo Gomes fez o diagnóstico desse problema antes do empate sem gols com o Flamengo, no Morumbi, no dia 1º de outubro. Depois de nova igualdade contra o Sport, por 1 a 1, na última quarta-feira, na Ilha do Retiro, o treinador reconheceu o domínio do adversário na etapa final.

Esse panorama se reflete nos números da equipe neste Brasileirão. Dono da quinta melhor defesa da competição nacional, com 29 gols sofridos, ao lado do Corinthians, o São Paulo foi vazado 18 vezes durante a etapa final. Nas outras 11 oportunidades viu o adversário fazer os gols na primeira metade dos jogos.

Ou seja, praticamente dois terços dos gols sofridos pelo Tricolor no Brasileirão aconteceram no segundo tempo. Diante do Sport, por exemplo, o time não foi vazado na etapa final, mas viu Denis fazer defesas fundamentais para evitar a derrota.

São Paulo tabela 30ª rodada (Foto: Divulgação)Os últimos nove jogos do São Paulo

Depois da partida, os atletas apontaram o forte calor no Recife como um dos fatores para explicar o desgaste. Tanto que Thiago Mendes, Matheus Reis e Kelvin foram substituídos por questões físicas.

– Contra o Sport, senti cansaço e não quis prejudicar o time. Por isso pedi para sair. Se tiver cansado, pede para sair e tratar. Isso é importante. Tem de ter consciência que no momento de hoje não podemos dar brecha para nada acontecer. Temos de trabalhar para vencer – disse o volante Thiago Mendes.

Entre o duelo diante do Sport e o clássico contra o Santos, na próxima quinta-feira, no Pacaembu, serão sete dias, dos quais Ricardo Gomes terá cinco no total para treinar a equipe e corrigir o problema. A delegação do Tricolor retornou de Recife na quinta-feira e depois foi liberada. O primeiro treino, sem os titulares no campo, foi feito na sexta-feira e o segundo no sábado, com portas fechadas para a imprensa. O elenco folga neste domingo e retorna aos trabalhos na segunda-feira.

 

Fonte: Globo Esporte

3 comentários em “Queda no segundo tempo é problema para o São Paulo resolver no Brasileiro

  1. Desde a época do Osorio que, os jogadores do São Paulo vem caindo de rendimento no 2º tempo.
    Isso quer dizer que os preparadores fisicos não estão funcionando, ou seja fazendo um pessimo trabalho.

  2. Eu me preocuparia é com a queda no segundo turno. Olhando essa tabela, eu desconfio que o time só vai ganhar de Ponte e Santa Cruz. Acho pouco para escapar.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*