Prioridade do São Paulo esta semana é recuperação de Diego Souza

O elenco do São Paulo retomou os treinamentos no CT da Barra Funda nesta segunda-feira e vai folgar na terça-feira. Sem jogos durante a semana, o time terá tempo para se preparar para o duelo de domingo, contra o Santos, pela sexta rodada do Campeonato Brasileiro. A prioridade nesse período é a recuperação de Diego Souza, que trata um edema muscular na coxa esquerda.

Artilheiro do Tricolor na temporada, com cinco gols, o atacante se machucou durante a vitória por 1 a 0 sobre o Rosario Central, pela primeira fase da Copa Sul-Americana, e ficou fora do empate por 2 a 2 com o Bahia, no último domingo, pelo Brasileirão. Tréllez, autor de um dos gols em Salvador, foi o seu substituto.

Diego Souza, em entrevista na sexta-feira, disse que tem boas chances de voltar a ser relacionado pelo São Paulo no clássico contra o Santos.

– Vou tratar bem esta semana para poder voltar contra o Santos e ajudar a equipe. Na hora que senti (contra o Rosario) vi que não ia conseguir jogar contra o Bahia – declarou o camisa 9.

Além de Diego Souza, Rodrigo Caio vive a expectativa de voltar a jogar pelo São Paulo. O zagueiro se recupera de entorse no pé esquerdo. Existia a possibilidade de ele ter sido relacionado contra o Bahia, mas faltou aprimorar melhor a parte física por conta do tempo que ele ficou parado. Rodrigo Caio não joga desde o empate por 0 a 0 com o Ceará.

Depois de cinco rodadas, o São Paulo é o único time invicto no Brasileirão. Só que são quatro empates e apenas uma vítória. Os sete pontos deixam o time em zona intermediária na tabela.

Fonte: Globo Esporte

5 comentários em “Prioridade do São Paulo esta semana é recuperação de Diego Souza

  1. Melhorou nos últimos 2 jogos.
    Falta mais intensidade e mobilidade, não é craque e muito menos um pereba .
    Se ganhar confiança pode ser muito útil durante o ano.
    A impaciência da torcida pela falta de títulos , os recentes perrengues no Brasileiro e a dificuldade em montar um time com jogadores medianos, e ainda fazer que eles joguem juntos 6 meses sem desfazer meio time e o técnico, e novamente mais uma vez recomeçar no meio do ano, seria a repetição dos últimos anos.
    Falta melhorar o ataque e o Diego Souza se tiver um comprometimento maior, pode ser parte desta melhora.

    • Não vejo falta de comprometimento do Diego Souza! O que vejo é um jogador pesadão – lento nos reflexos e sem a intensidade necessária que o esporte exige hoje. Concordo que não seja uma “pereba”, mas acho que um jogador mediano como ele custou, e continuará a custar, muito caro para o serviço que pode entregar.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*