Preocupados com Libertadores, São Paulo e Palmeiras fazem jogo matinal

O primeiro clássico do ano entre São Paulo e Palmeiras, válido pela nona rodada do Campeonato Paulista, será atípico. Não será no estádio de nenhum dos dois times, não será à tarde ou à noite e não será encarado por eles como prioridade, já que ambos estão preocupados com os compromissos que terão na semana seguinte pela Taça Libertadores..

Mesmo assim, o jogo marcado para 11 horas (de Brasília) – o horário foi alterado por conta de protestos programados na cidade no período da tarde –, no Pacaembu, e não no Morumbi, cujo gramado segue em reforma, é clássico. E, em clássico, conta muito a rivalidade, independentemente de quem estiver em campo.

No Tricolor, o empate por 1 a 1 com o River Plate, na quinta-feira, em Buenos Aires, encheu o elenco de otimismo, principalmente pela produção da equipe, que jogou de igual para igual com o atual campeão sul-americano. A expectativa é que o time possa iniciar uma sequência de bons resultados para decolar na temporada. Mais preocupado com a partida de quarta-feira, contra o Trujillanos, na Venezuela, o técnico Edgardo Bauza já avisou que poucos titulares vão iniciar a partida.

O Verdão, que foi de uma aparente recuperação à demissão do técnico Marcelo Oliveira em poucos dias (após a derrota de quarta-feira para o Nacional, do Uruguai), será comandado neste domingo pelo interino Alberto Valentim. O interino adotou maior cautela do que Bauza ao falar sobre o clássico, e prometeu força máxima. O Verdão tem como trunfo o fato de jogar pela Libertadores somente na quinta, ganhando um dia a mais de trabalho do que o Tricolor.

Raphael Claus apita a partida, auxiliado por Emerson Augusto de Carvalho e Carlos Augusto Nogueira Junior. O Premiere transmite o jogo, com Jota Jr e Mauricio Noriega. O GloboEsporte.com também acompanha o confronto em Tempo Real, com vídeos.

HEADER escalacoes 690 (Foto: Infoesporte)

São Paulo: preocupado com o desgaste da equipe que atuou no meio da semana, Edgardo Bauza vai poupar titulares. Como o último treino foi fechado, não há pistas do time que será escalado. Uma coisa é certa: Rodrigo Caio, que ficou no banco na Argentina, será titular no Choque-Rei deste domingo. Kieza, que está sendo negociado com o Vitória, foi relacionado. Uma provável escalação do São Paulo teria: Denis; Caramelo, Rodrigo Caio, Lucão e Carlinhos; Hudson e João Schmidt; Rogério, Daniel e Michel Bastos; Alan Kardec (Calleri).

Palmeiras: Alberto Valentim assegurou que mandará a campo o melhor time possível, de acordo com a avaliação física dos jogadores à disposição. Edu Dracena e Lucas Barrios estão novamente à disposição. Por conta do desgaste, Zé Roberto pode ser poupado. A tendência é que o Verdão comece o jogo com a seguinte formação: Fernando Prass; Lucas, Edu Dracena (Thiago Martins), Vitor Hugo e Egídio; Thiago Santos, Jean e Robinho; Gabriel Jesus, Dudu e Cristaldo.

header_quem-esta-fora_690 (Foto: Reprodução)

São Paulo: Renan Ribeiro (apendicite), os zagueiros Breno (tendinite) e Luiz Eduardo (cirurgia), o volante Wesley (estiramento) e o atacante Wilder (contratura).

Palmeiras: Moisés (recuperação de cirurgia no pé esquerdo).

 

Fonte: Globo Esporte

Um comentário em “Preocupados com Libertadores, São Paulo e Palmeiras fazem jogo matinal

  1. mais uma vez peço desculpas a todos por não falar d e futebol

    gente domingo é um dia muito importante para a democracia brasileira ,por isso eu peço a quem for protesta faça de maneira ordeira e sem violência e principalmente respeitando a opinião do outro que seja contraria a sua .

    boa democracia a todos

    pra sempre soberano

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*