Pratto é confirmado como novo reforço e assina com São Paulo por 4 anos

Desde que começou a dirigir o São Paulo no início deste ano, o técnico Rogério Ceni detectou a necessidade de se contratar um centroavante. Agora, a diretoria conseguiu realizar o pedido do ex-goleiro e a espera acabou. O Atlético-MG confirmou a transferência de Lucas Pratto para o time do Morumbi, que adquiriu 50% dos direitos econômicos do atacante. A outra metade permanecerá com a equipe mineira. O argentino assinou por quatro anos com seu novo clube.

“Queria saldar a todos os tricolores e falar que domingo eu vou estar no Morumbi. E também falar que estou muito feliz de trabalhar com Rogério Ceni em um clube tão grande quanto o São Paulo. Quero agradecer o Leco pela confiança que está me dando. Também quero falar que espero fazer muitos gols e dar muitos títulos e felicidade para o clube”, disse o novo reforço são-paulino em vídeo publicado pelo time do Morumbi.

O argentino era destaque na equipe mineira. Lá desde 2015, ele disputou 104 partidas e marcou 41 gols. Antes, passou por diversos clubes. Começou a carreira no Boca Juniors, da Argentina, e teve passagens por Tigre (da Argentina), Lyn (Noruega), Universidade Católica (Chile), Genoa (Itália) e Vélez Sarsfield (Argentina).

O jogador, de 28 anos, era um sonho antigo do São Paulo, que chegou a sondá-lo em outras oportunidades. Desta vez, porém, o Tricolor contou com os R$ 50 milhões da venda de David Neres para o Ajax, da Holanda, de apoio para definir o negócio e com o aval do patrocinador Banco Intermedium.

Por outro lado, Pratto também buscava a oportunidade de jogar em outro clube. Afinal, a disputa por um lugar na equipe titular do Atlético-MG estava mais acirrada desde o ano passado, com chegada de Fred.

Antes de contratar Pratto, o São Paulo chegou a tentar negociar com o argentino Calleri e o paraguaio Cristian Colmán, mas nenhuma das duas transações foi adiante. A expectativa é de que Pratto seja apresentado oficialmente à torcida neste domingo, no Morumbi, no jogo contra a Ponte Preta.

 

Fonte: Uol

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*