Paz entre as torcidas em São Paulo teria relação com ordem do PCC

A trágica queda do avião que matou 71 pessoas da delegação da Chapecoense e jornalistas trouxe grande comoção no mundo do futebol. Até mesmo as torcidas que causavam brigas com frequência, como é o caso das facções dos grandes paulistas, se uniram e fizeram um evento pela paz. No entanto, a polícia desconfia que esse ato teve outra causa.

Segundo matéria publicada pelo site da Rede TV, o PCC (Primeiro Comando da Capital) teria dado a ordem para o fim da confusão entre os torcedores organizados em São Paulo. Áudios publicados mostram integrantes de torcidas confirmando ameaças da facção organizada. Para a polícia, ainda é um grande mistério a causa dessa exigência do PCC.

(Foto: Gaviões da Fiel/Twitter)
(Foto: Gaviões da Fiel/Twitter)

Os problemas entre torcidas organizadas em São Paulo aumentaram a partir do ano passado. Logo após a morte de um torcedor na zona leste da capital, no dia do confronto entre Corinthians e Palmeiras, a Secretaria da Segurança Pública do Estado determinou a realização de clássicos apenas com a presença de torcedores do mandante nos estádios.

O evento do último final de semana reuniu no Pacaembu as maiores torcidas organizadas de Corinthians, Palmeiras, Santos e São Paulo. Estiveram presentes representantes da Gaviões da Fiel, Mancha Alviverde, Torcida Jovem e Independente, que levaram as cores de suas equipes para as imediações do estádio na região central da cidade.

 

Fonte: Gazeta Esportiva

2 comentários em “Paz entre as torcidas em São Paulo teria relação com ordem do PCC

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*