Osorio não faz contas, mas vê São Paulo longe da briga pelo título

O São Paulo tem oscilado no Campeonato Brasileiro por conta dos seguidos desfalques e das vendas de jogadores, na visão do técnico Juan Carlos Osorio. Nas últimas seis rodadas da competição, o Tricolor empatou uma partida, venceu duas e perdeu três. A derrota mais recente foi no clássico contra o Santos, por 3 a 0, na última quarta-feira, na Vila Belmiro.

De acordo com o colombiano, o time não consegue uma sequência de bons resultados por conta das baixas no elenco. E é justamente esse o motivo pelo qual o São Paulo não lutará pelo título, segundo Osorio. Com 38 pontos, na quarta posição, o Tricolor está 13 pontos atrás do líder Corinthians.

– Eu tenho falado desde antes que seria difícil competir pelo título com um time que vendeu tantos jogadores. Temos que pensar jogo a jogo para somar a maior quantidade de pontos – afirmou o treinador.

Desde o início do trabalho de Osorio, em junho, oito jogadores saíram do clube: Paulo Miranda, Dória, Rafael Toloi, Denilson, Souza, Boschilia, Ewandro e Cafu.

Somado a isso, o Tricolor tem sofrido com os desfalques. Antes do San-São, por exemplo, o treinador não pode contar com nove jogadores. Rogério Ceni, Luis Fabiano, Rodrigo Caio, Denis, Alan Kardec, Breno, Luiz Eduardo, Carlinhos e Lucão ficaram fora.

– Infelizmente, Luiz Eduardo treinou e sentiu de novo (dores no joelho esquerdo). Não temos outros zagueiros para competir com Lyanco e Edson (Silva). Vai ser difícil ter um time diferente de hoje (quarta-feira), mas seguramente vamos procurar uma formação melhor para vencer – disse o técnico, referindo-se ao confronto de domingo, contra o Grêmio, em Porto Alegre.

Agora, o São Paulo aguarda a recuperação de alguns dos lesionados para reforçar o time no final de semana. O único retorno confirmado no momento é o de Rodrigo Caio, de volta após defender a seleção brasileira olímpica em amistoso contra a França.

 

Fonte: Globo Esporte

2 comentários em “Osorio não faz contas, mas vê São Paulo longe da briga pelo título

  1. Pensar jogo a jogo seria deixar de lamentações e tentar fazer algum pontinho jogando fora de casa e contra times que disputam lugar no G4. A meu ver o Sr. Osorio não se preocupa com isso: apenas em “jogar no ataque” como ele gosta…

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*