Opinião de são-paulino: Fluminense 2 x 1 São Paulo

Amigo são-paulino, aqui o espaço é seu. Use-o para criticar, elogiar, comentar, cornetar, enfim, diga o que achou da derrota do São Paulo para o Fluminense por 2 a 1, nesta quinta-feira, em São Januário.

10 comentários em “Opinião de são-paulino: Fluminense 2 x 1 São Paulo

  1. Como já escrevi no post das notas, na minha ótica o time evoluiu. Continua evoluindo e nem de perto lembra aquele amontoado de jogadores da época Leão. O time mostrou mais organização e uma marcação.bastante eficiente, sobretudo no primeiro tempo. Continuo achando que a nossa grande contratação foi a do Rafael Toloi. Sem dúvida, ele é o melhor zagueiro em atividade no país. É bom em bolas aéreas, firme na marcação e habilidoso quando sai para o jogo. Lembro que ele tem apenas 21 anos. Portanto, tem muito ainda para evoluir. Lembra muito a segurança de Oscar e a classe de Dario Pereyra, mixada à garra de Lugano. Já me cobraram aqui mesmo pelos elogios que faço a esse jogador, de forma que, reitero, ontem, mais uma vez, ele foi o melhor jogador do time. Estranho é que aqui ninguém mencionou esse fato. Até mesmo o Rodolfo, que vinha numa curva de produção descedente, tem produzido bem depois da chegada dele. Contudo, o meio ainda continua lento em razão da lentidão do Maicon. Essa é uma peça que ainda está faltando no nosso tabuleiro. De resto, apesar da derrota, vi um time mais homogêneo e com um plano tático definido. Em nada lembra aquele amontoado dos tempos do Leão. Lamento ter perdido 8 meses no ano…se a Diretoria tivesse sido mais incisiva, nessa altura poderíamos já estar com o time consolidado…

    • Nem tanto amigo, não vi Dario Pereira e Oscar jogarem, mas vi Lugano, Miranda, Rodrigo, André Dias, Alex Silva, Breno e Fabão, e afirmo, Rafael Toloi não se compara a eles.

      É um bom jogador, mas não é tudo isso, pelo menos é minha opinião, e acho que vários compartilham da mesma.

      Sobre ser o melhor zagueiro em atividade no País, também discordo, Rhodolfo, Dedé, Chicão, Rever, Anderson (Fluminense), estão melhores que o Toloi. Não tenho nada contra o jogador, apenas sou realista.

  2. Bom dia amigos Tricolores,

    Olha o que pude ver é que com esse time que jogou hoje (na cabeça do Ney com a volta do Fabuloso, é o time titular), toda vez que pegarmos uma equipe mais estruturada será dificil ganhar-mos.

    Agora o Ney vai ter muita dificuldade com esse plantel que tem, na ora que precisa fazer uma modificação, olha pro banco e quem ele vê!!! Ninguem em condições de entrar para surtir algum efeito, é lamentável o que essa diretoria fez mais um ano com o São Paulo!!!!

    Essa temporada no brasileirão, será pelo meio da tabela e está bom demais com esse grupo.

    Espero estar errado com minha opnião, mas não vejo outra alternativa para o Ney não!

  3. Paulo Pontes , perdemos por falhas defensivas nossa , mais nao podemos deixar de dizer que o Fluminense tem um time e elenco bem superior ao do São Paulo , e uma base montada ja a algum tempo , acho que a realidade do Sao Paulo neste Brasileiro é vaga na Sul Americana mesmo , não temos time pra sonhar com g4 ou g3 e Libertadores pelo Brasileiro ,muito menos titulo.. concorda??? abraços..

    • Não sou Paulo Pontes, mas concordo plenamente.. rsrs

      Foi pegar um time um pouco melhor que veio a derrota.

      O que me deixa p… da vida, é ver o Jesus Lopes dizendo que o elenco não carece de reforços.

      Esse Maicon não marca, não corre, não arma e não aparece como surpresa na frente.

      Imagina o time jogando no 4-4-2 com este cidadão encarregado da marcação?

  4. O que percebi é que apesar da derrota não mereciamos perder, creio que até um empate. Levando em conta que o Fluminense vem redondo a mais tempo com um padrão de jogo e técnico há mais de uma temporada no comando, jogamos de igual pra igual e no primeiro tempo o fluminense pode-se dizer foi engolido no meio campo. Obviamente faltou algumas coisas, sabendo que LF9 não jogou ele seria um baita diferencial, creio que pelo menos o time mostrou evolução com o Ney Franco. Pode melhorar mais com as peças que chegaram.
    OBS: apesar de pouco tempo de jogo, senti que o Paulo Assunção como primeiro volante pode dar certo.

  5. Deprimente, assisti o segundo tempo.

    O que esse Maicon ta fazendo pra ser titular? o cara não marca, não corre, não aparece como surpresa no ataque….

  6. O time foi melhor que o Fluminense no primeiro tempo e as estatisticas comprovam: teve mais posse de bola e finalizou mais. Tomou o primeiro gol em uma falha boba do Rogério Ceni.
    No inicíio do segundo tempo o Fluminense pôs pressão e o nova falha individual comprometeu o resultado e o desempenho da equipe. Gosto de ver o time fazer a saida de bola trocando passes, mas o Cortez deveria saber que não se deve tentar proteger a bola com o corpo nem driblar perto da área. Ou ele encontra um parceiro livre para receber (não teve coragem de tocar para o Rogério), ou ele chuta para onde estiver apontando o nariz.
    Depois das substituições o time ficou desorganizado e dependendo da sorte.
    A arbitragem novamente foi fraca. Os assistentes levantaram a bandeira no grito em lances de grande potencial para o ataque do S.Paulo. No primeiro tempo, quando o Cícero avançava sozinho, e, no segundo tempo, quando foi a vez do William José receber lançamento nas costas dos zagueiros. Além disso, cartões foram dados sem critério. Jogadas violentas (como um carrinho por trás do Cortez), mão na bola, faltas para matar contra ataque e uma falta no último homem (Ademilson, ao vencer a disputa de bola com o zagueiro na falta batida pelo Rogério) não foram punidas com cartão. Mas um tranco faltoso do Tolói mereceu cartão..

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*