Notas dos jogadores

Rogério Ceni: um pouco inseguro, mas fez boas defesas. 7

Douglas: fez a jogada do gol, mas depois fez lances bisonhos. 5

Lúcio: grande partida. 8,5

Paulo Miranda: ótima partida. 8,5

Juan: chega a ser grotesco, principalmente quando perdeu o gol do jogo. 3

Wellington: deu muito espaço e foi ridículo no gol do Grêmio. 2

Rodrigo Caio: cobre bem o meio. 7

Ganso: alguns lampejos de craque, mas pouco pelo que pode render. 5

Aloísio: outro que perdeu gol e foi apenas um lutador. 5

Luis Fabiano: buscou o jogo, ajudou na defesa, fez o pivô e marcou o gol. 8

Osvaldo: mais uma vez foi grotesco, não ganhando uma única jogada. 2

Maicon: entrou para equilibrar o meio de campo e quase fez bobagem. 4

Ney Franco: demorou para mudar o time, quando o Grêmio engolia o São Paulo. 5

 

Paulo Pontes

4 comentários em “Notas dos jogadores

  1. Apesar de sempre critica-lo, não por sua capacidade de jogo mas sim por sua conduta, hj acho que o LF deveria levar a maior nota.
    Concordo com as notas de Lúcio, que vem melhorando a cada jogo, e Paulo Miranda, que ontem jogou muito.
    Não concordo com a nota do Douglas – outro que critico muito, ele tb tem melhorado seu desempenho depois que ficou responsável apenas pela lateral; ontem jogou muito bem.

  2. Na minha opinião, o LF foi o melhor em campo junto com a dupla de zaga que vem jogando muito bem.
    Agora Ney “FRACO” nora 5???? Esse cidadão demorou 30 minutos pra fazer a substituição e ficou tomando sufoco, e quando resolveu mexer colocou o Maicon que no jogo contra o Goiás entregou hoje quase entregou denovo!!!!

  3. Discordo de vc., diferente de outras partidas, hoje o Douglas foi bem, pois além de ter dado o passe para o nosso gol, deu a assistência para o Juan errar bisonhamente aquele gol, jogou com raça e disposição.
    Estranho, vc. dar 5 para o NF que, no segundo tempo, ficou perdido com a mudança tática do Grêmio, demorando para tomar uma atitude e, quando tomou, fez cagada.
    Deveria ter colocado outro jogador rápido para puxar os contra ataques e não o Maycon que é um jogador, absolutamente, improdutivo.

  4. O Ney Franco não apenas demorou para substituir como substituiu mal. Um time acuado precisa de alguém com bom domínio, para segurar a bola, ou de alguém muito ligeiro para buscar bolas lançadas em profundidade, o Maicon não é nada disso. Mas, como o banco de reservas também não ajuda, acho que a nota foi adequada…

Deixe uma resposta para Humberto Cancelar resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*


Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.