Nacional citou problema com agente do São Paulo para brecar Colmán

Após cerca de um mês de negociação, São Paulo e Nacional (PAR) colocaram fim nas negociações pelo atacante Cristian Colmán, de 22 anos. O jogador deve se transferir para o Dallas (EUA). No fim das contas, as duas partes deixaram as tratativas incomodadas. Enquanto o Tricolor se irritou com a enrolação dos paraguaios, o outro lado citou uma terceira pessoa como motivo de insatisfação.

Em e-mail direcionado a Alexandre Pássaro, advogado do São Paulo que tem cuidado das negociações, e assinado pelo presidente Guido Ciotti, a diretoria do Nacional acusa “terceiras pessoas” de terem agido de forma inconveniente durante as conversas. Não há citação de nomes. Quem estava autorizado a representar o clube brasileiro no Paraguai era o empresário Régis Marques. O LANCE! tentou entrar em contato com ele depois que a negociação foi dada por encerrada, mas não obteve sucesso.

Desde o início, a diretoria do São Paulo ficou incomodada com a postura do Nacional. O acordo chegou a ficar encaminhado mais de uma vez, mas os paraguaios sempre recuaram. A cúpula do Tricolor considerou que estavam fazendo leilão, aguardando outras ofertas. E foi o que acabou acontecendo. Enquanto a oferta do São Paulo foi de 1,1 milhão de dólares (cerca de R$ 3,5 milhões), a do Dallas (EUA) foi superior, o que acabou sacramentando a negociação, apesar da vontade de Colmán em jogar no Brasil.

O modo como o São Paulo conduziu as conversas com o jogador também desagradou a integrantes da diretoria do Nacional. Na semana passada, o Tricolor recebeu um parente de Colmán e seu representante no CT da Barra Funda. Eles conheceram as instalações e saíram encantados. A partir daí, o centroavante passou a pressionar mais seu clube para liberá-lo.

Sem Colmán, o São Paulo ainda tem uma esperança de contar com Calleri. O argentino tenta se desligar do West Ham (ING) e convencer seus investidores de que o melhor neste momento é voltar ao Tricolor, onde chegaria para ser titular e nos braços da torcida. Uma reunião na próxima segunda-feira pode definir o assunto.

 

Fonte: Lance

4 comentários em “Nacional citou problema com agente do São Paulo para brecar Colmán

  1. Enquanto não sair essa carniça de diretores “herdeiros” do canalha do jumencio, o SPFC continuará sendo “administrado” como time pequeno.
    Investiguem todos esses sujeitos desde a época do pilantra cachaceiro e encontrarão aonde foi a grana do clube.

    Vermes malditos, o capiroto espera vcs pra se juntar ao safado corintiano bêbado que já está sentado no colo dele.

  2. Para quem ainda não entendeu: pela primeira vez na história, o São Paulo vai iniciar uma temporada SEM CENTROAVANTE E SEM LATERAL ESQUERDO. Zero. Nenhum. Ninguém. É inacreditável. Mas ninguém xinga o bosta do Leco.

  3. Tem caroço nesse angu. Eu fico besta como essa torcida é paciente com essa diretoria e esse presidente. Os caras precisam de agente para oferecer um dinheiro de pinga para um clube meia boca do Paraguai. É muita incompetência, vaí?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*