Muricy se diz satisfeito apesar de empate e fala em evolução

O empate entre São Paulo e Coritiba, por 2 a 2, que só aconteceu graças a belo gol do atacante Ademilson, no fim da partida, não deixou o técnico Muricy Ramalho insatisfeito na noite deste sábado, no Pacaembu. Após o jogo, Muricy afirmou que viu evolução no time em relação ao que foi produzido na derrota para o CRB, por 2 a 1, e no empate por 1 a 1 com o Cruzeiro.

“Acho que foi bem, as duas formações foram bem. A gente teve uma boa posse de bola, acho que foi um dos jogos que a gente mais criou. Muito difernete dos ultimos dois jogos contra Cruzeiro e CRB, hoje foi bem nos dois tempos. Tivemos a infelicidade de tomar gol de bola parada mais uma vez, mas as duas maneiras foram boas”, falou Muricy, sobre as alternativas táticas do primeiro e do segundo tempo, com e sem Paulo Henrique Ganso.
Muricy ainda afirmou que viu mudança de postura dos jogadores ao encararem a partida contra o Coritiba, e disse que o que foi apresentado no empate com o Cruzeiro, em Uberlândia, não o deixou satisfeito.
“Hoje não, é um time que buscou o tempo todo, brigou até o final. Hoje não decepcionou. Domingo sim, contra o Cruzeiro, empatou fora de casa, mas naquele jogo sim. Não me deixou satisfeito. Hoje não, hoje a gente teve muitas oportunidades. Isso sim, dá esperança de um bom time. Volume de jogo nosso foi muito bom. Hoje eu vi esperança, teve boa posse de bola, sofreu um pouco no contra-ataque”, concluiu, na análise sobre a equipe.
Fonte: Uol

2 comentários em “Muricy se diz satisfeito apesar de empate e fala em evolução

  1. Eu também estaria! Ganhando quinhentinho por mês, com segurança no emprego oferecida pelo “gestor” de plantão e sem cobrança da mídia ou da empresa? Quem não estaria? Os resultados? Oh, os resultados são detalhes . . .

  2. Se estava tão bom no primeiro tempo, porque as substituições?
    Pela forma de jogar do adversário nada justificava as substituições, excetuando os dois gols, que foram falhas por erro de passe e marcação errada.
    Na verdade substituiu por que Osvaldo e Pabon foram um desastre, embolaram e não foram os pontas que ele esperava, enfim tentou concertar a besteira que havia feito.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*