Muricy reforça opinião sobre Ceni: “Ele tem mais um pouco a dar”

A ideia aparentemente inabalável do são-paulino Rogério Ceni de encerrar a carreira no fim do ano tem uma voz contrária de peso. Muricy Ramalho, que na sexta-feira levantou a dúvida sobre sua aposentadoria, voltou a cogitar sua permanência em 2015 depois da vitória de domingo sobre o Palmeiras.

Mesmo o goleiro tendo falado no gramado sobre o “fim de um ciclo”, o treinador sustentou seu pensamento sobre o jogador de 41 anos. “No ano passado, dei opinião de que ele estava agarrando demais, de que dava para jogar mais um pouco, e acho que acertei. Nos últimos jogos, está agarrando demais de novo. A gente lamenta quando um jogador desses vai parar”, disse, antes de reforçar sua opinião.

“Se ele parar, vai parar no auge, porque está agarrando muito. Hoje, ele é o melhor goleiro do Brasil. Hoje não, há algum tempo ele é o melhor goleiro do Brasil. Minha opinião é de que ele ainda tem mais um pouco a dar. Mas isso é coisa dele”, observou.

Djalma Vassão/Gazeta Press

Goleiro são-paulino parece decidido, porém, a encerrar a carreira ao final do contrato que vence em dezembro

Por ora, a decisão de Rogério Ceni parece imutável. Em abril, ele comunicou de forma antecipada que, desta vez, não iria recuar na ideia de se aposentar ao final do contrato. Com uma nova campanha de Muricy, porém, foi obrigado a falar novamente sobre o assunto no domingo.

“Não estou repensando absolutamente nada. Estou pensando em ser campeão. Adoraria fechar o ciclo sendo campeão. O que está restando é a Sul-americana. Gostaria que fosse o Brasileiro, mas, infelizmente, a diferença não está caindo”, respondeu o ídolo são-paulino, referindo-se à diferença de quatro pontos para o líder Cruzeiro na competição nacional.

O “pouco a mais” que tem a dar, segundo Muricy, ele colocará em campo novamente na quarta-feira, dia em que o São Paulo abre a semifinal da Copa Sul-americana, contra o colombiano Atlético Nacional, em Medellín.

 

Fonte: Gazeta Esportiva

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*