Morato fará cirurgia na quinta-feira e pode parar por sete meses

O atacante Morato, reforço contratado pelo São Paulo até o fim do ano e que sofreu lesão no joelho direito no jogo-treino contra o Oeste, realizado no dia 6 de maio, será operado pelo médico Rene Abdalla nesta quinta-feira. O jogador passou por nova analiação nesta terça-feira, mas ainda não foi possível estipular qual será o prazo de recuperação do atleta, já que o local permanecia inchado e o jogador sentia muitas dores. O exame feito na semana passada revelou problema no ligamento cruzado posterior e no menisco.

– Eu pedi uma avaliação vascular no joelho para saber como estão as veias e as artérias, já que o ligamento posterior passa muito perto. Vamos operar na quinta-feira. Na hora da artroscopia, saberemos o prazo. Se a lesão for de ligamento cruzado posterior e menisco, ele ficará dois meses parado. Mas se observamos que também há instabilidade nos ligamentos anterior e colateral, aí teremos de fazer toda reconstrução e o prazo aumentaria para sete meses – explicou Abdalla, em conversa com a reportagem do GloboEsporte.com.

Morato em ação na partida contra o Cruzeiro (Foto: Rubens Chiri / saopaulofc.net)

Morato em ação na partida contra o Cruzeiro (Foto: Rubens Chiri / saopaulofc.net)

Morato tinha tudo para ser titular da equipe na sequência da temporada. O jogador, vindo do Ituano, estreou pelo Tricolor no jogo de volta contra o Cruzeiro, no dia 19 de abril, no Mineirão, pela Copa do Brasil. Teve ótima participação e foi um dos destaques da vitória por 2 a 1, que, no entanto, não foi suficiente para o Tricolor seguir na competição.

O atleta fará toda a recuperação no Reffis do CT da Barra Funda. O clube do Morumbi vai conversar com o Ituano para tratar do futuro do atleta, que havia sido emprestado com o valor dos direitos fixados.

Fonte: Globo Esporte

3 comentários em “Morato fará cirurgia na quinta-feira e pode parar por sete meses

  1. Paulo , parece que a oposição ainda não se deu conta de que a eleição acabou e que foram derrotados , até quando vamos viver um clima desses ?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*