Mesmo sem Kaká, Morumbi espera São Paulo melhor contra Criciúma

A tão esperada estreia de Kaká no Morumbi não será neste sábado, apesar de promovida inicialmente pelo São Paulo como sendo. A expectativa de ver o meia no estádio pela primeira vez depois de 11 anos animou a torcida, que comprou  quase 40 mil ingressos ao longo da semana, mas se desapontou mais tarde ao saber que ele não jogaria contra o Criciúma por conta de dores na panturrilha direita.

Como o desfalque (que passou a ser considerado pela diretoria a partir de quinta-feira, quando o site do clube desvinculou a venda de ingressos à imagem do jogador) é irreversível, o bom público espera que a equipe se recupere no Campeonato Brasileiro mesmo sem seu principal reforço para o segundo semestre. As duas derrotas seguidas na competição foram amenizadas pela vitória de meio de semana na Copa do Brasil, mas isso de nada valerá se o time não reagir também na competição por pontos corridos.

Em relação à escalação que bateu o Bragantino, na quarta-feira, uma mudança é certa. Alan Kardec, impedido de atuar no torneio mata-mata por já ter defendido o Palmeiras na mesma edição, retorna entre os titulares. A outra vaga no ataque, disputada entre Ademilson e Alexandre Pato, o último levou vantagem por ter sido o responsável direto pelo triunfo em Ribeirão Preto, participando da jogada do primeiro gol e ainda convertendo um pênalti. Osvaldo, com dores no quadril, segue em recuperação.

A formação inicial, no entanto, não foi totalmente revelada por Muricy Ramalho. O treinador, que só confirmou a manutenção de Pato, fechou a primeira parte do treino apronto e escondeu o que levará ao Morumbi, na tentativa de se reaproximar dos líderes do campeonato. Neste momento, o São Paulo é o oitavo colocado, com nove pontos de distância para o líder Cruzeiro (19 contra 28). Mas Fluminense e Internacional, últimos da faixa de classificação para a Copa Libertadores, estão somente três pontos à frente.

Sergio Barzaghi/Gazeta Press

Equipe tricolor não terá Kaká, vetado pelos médicos, mas contará com o retorno de Alan Kardec no ataque

Um pouco mais abaixo na classificação, com 14 pontos, o Criciúma busca igualmente uma reação imediata, depois de também sair derrotado nas duas últimas rodadas. Mas a equipe treinada por Wagner Lopes pode se apegar no que fez outra equipe catarinense para vencer o São Paulo em pleno Morumbi, duas semanas atrás. Com uma formação bem postada defensivamente, a Chapecoense suportou bem aos ataques dos donos da casa, aproveitou um lance raro dentro do jogo e deixou a capital paulista com uma vitória por 1 a 0.

 

Muricy prevê o rival de outra forma. “Pela escalação que está anunciada, (o Criciúma) não vem com linhas fechadas como a Chapecoense. É claro que isso é tudo dentro do que está no papel. Pode ser que, no jogo, os caras comecem a fazer as linhas e dificultem. Mas, pelas características do jogador, não é bem isso. A Chapecoense jogou o tempo todo por uma bola e achou. Não acho que o Criciúma vai ser assim”, aposta o comandante são-paulino.

Arte GE.Net

FICHA TÉCNICA
SÃO PAULO X CRICIÚMA

 

Local: Estádio do Morumbi, em São Paulo (SP)
Data: 2 de agosto de 2014, sábado
Horário: 18h30 (de Brasília)
Árbitro: Ricardo Marques Ribeiro (Fifa-MG)
Assistentes: Márcio Eustáquio Santiago (Fifa-MG) e Guilherme Dias Camilo (MG)

SÃO PAULO: Rogério Ceni; Paulo Miranda, Rodrigo Caio e Rafael Toloi; Douglas, Souza, Maicon, Ganso e Álvaro Pereira; Alexandre Pato e Alan Kardec
Técnico: Muricy Ramalho

CRICIÚMA: Luiz; Eduardo, Fábio Ferreira, Ronaldo Alves e Giovanni; Rodrigo Souza, Martinez, Wellington Bruno e Rafael Costa; Silvinho e Bruno Lopes
Técnico: Wagner Lopes

 

Fonte: Gazeta Esportiva

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*