Melhor começo de ano põe Pato entre maiores artilheiros do Brasil

Depois de um 2014 irregular, Alexandre Pato começou 2015 se firmando como um dos principais jogadores do São Paulo. Artilheiro no Paulistão, o camisa 11 começou a Libertadores em grande estilo, marcando duas vezes – uma delas em um belo chute de primeira – na vitória sobre o Danubio nesta quarta. Com oito gols em sete jogos – seis como titular – o atacante consolida o melhor começo de temporada de sua carreira e aparece entre os principais artilheiros do Brasil na temporada.

Pelo posto de maior goleador do país em 2015 até o momento, Pato enfrenta três principais concorrentes: Kiros, do Porto-PE, Rafinha, do Vera Cruz-PE e Robert, do Sampaio Correa-MA. Os três têm os mesmos oito gols do atacante são-paulino.

Kiros tem, na verdade, 11 gols no Pernambucano. Há, porém, um detalhe: três deles foram marcados em 2014 – a primeira fase da competição começou em dezembro. Rafinha, que disputa o mesmo campeonato, tem o mesmo problema: marcou nove vezes, mas uma delas no ano passado. Assim, ambos ficam com a mesma marca de Pato tendo jogado bem mais jogos.

O começo de temporada de Pato é, com bastante folga, o melhor de sua carreira. A marca anterior, obtida em 2010 pelo Milan-ITA foi de quatro gols nas primeiras sete partidas. Respeitável, mas nada comparável a atual. Aquele ano viria a ser seu melhor com a camisa do clube italiano: 16 gols em 33 jogos.

Jogando no futebol brasileiro, o atacante nunca teve números como os de 2015. Em apenas sete jogos, já marcou dois terços dos 12 gols que precisou de 44 partidas para fazer em 2014. Mesmo que a boa fase acabe, a marca do ano passado deve ser facilmente superada.

Um joga Paulistão e Libertadores, o outro Campeonato Espanhol e Liga dos Campeões. Mesmo assim, é curioso lembrar que, nos primeiros sete jogos desta temporada, Lionel Messi marcou cinco gols – foi menos arrasador do que Pato.Cristiano Ronaldo, por sua vez, marcou os mesmos oito do camisa 11 são-paulino.

Com média de 1,14 gol por partida, se jogasse os mesmos 42 jogos de 2014, Pato terminaria este ano com 48 gols – marca digna de Messi e C. Ronaldo, e suficiente para garantir o “prêmio” de maior artilheiro do Brasil na temporada.

As chances de que um atacante mantenha uma média superior a um gol por partida são extremamente pequenas. O diagnóstico mais realista é de que Pato vive sua melhor fase desde que Milan e finalmente se firmou como titular no ataque do São Paulo.

Nesta quarta, após a goleada, Muricy Ramalho garantiu que o atacante segue entre os onze. “Devo repetir o time no fim de semana, eles precisam jogar. Principalmente o Pato, que sofreu muito com esse entra e sai, ele precisa jogar mais. Agora é hora dele jogar”. Por enquanto, em 2015, Pato jogando é praticamente garantia de bola na rede.

 

Fonte: Uol

Um comentário em “Melhor começo de ano põe Pato entre maiores artilheiros do Brasil

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*