Luis Fabiano volta em momento-chave para provar que pode ser decisivo

O treino desta quarta0feira mostrou que Luis Fabiano deve estar em campo no próximo domingo, contra o Penapolense, pelas quartas de final do Paulistão Chevrolet. O atacante foi pelo segundo dia consecutivo ao gramado do CT da Barra Funda e, dessa vez, fez atividades com bola sem limitações.

Na última terça-feira, o Fabuloso também tinha deixado o Reffis, mas apenas para correr no campo. Ele se recupera de uma contratura na coxa esquerda, diagnosticada após o treino do último sábado.

A nova lesão atrapalhou os planos de Ney Franco, que contava com o retorno do atacante para a partida contra o Mogi Mirim. Luis Fabiano não joga desde o dia 31 de março, quando o Tricolor perdeu para o Corinthians. Naquele confronto, ele sofreu um trauma na panturrilha esquerda.

Se o retorno do camisa 9 for confirmado para este domingo, no Morumbi, ele terá a chance de iniciar, com o time, a caminhada de jogos decisivos. Desde que retornou, o Fabuloso tem ficado fora dos momentos críticos das competições, seja por lesão ou suspensão.

O jogo com o Penapolense não é tido como uma grande partida, já que o adversário é pequeno e de pouca tradição. Mas uma boa atuação nas quartas de final serve para ele recuperar o moral e o ritmo de jogo. Como está há quase um mês sem entrar em campo e não poderá enfrentar o Atlético-MG, dia 2 de maio, por suspensão, Luis Fabiano precisa chegar com ritmo para a semifinal do Paulista, que pode ser novamente com o Corinthians.

O título da Sul-Americana não teve o sabor que o atacante imaginava. Expulso nos minutos iniciais do primeiro jogo da final, o Fabuloso sentiu um dos golpes mais duros da carreira. Neste ano, outro cartão vermelho na Libertadores o tirou de quatro partidas. Aos 32 anos, ele tem mais uma chance de ser decisivo em jogos importantes que estão por vir. Exemplos negativos não faltam ao camisa 9, basta não seguir nenhum deles novamente.

Fonte: Lance

Um comentário em “Luis Fabiano volta em momento-chave para provar que pode ser decisivo

  1. Rogério Ceni é exemplo para qualquer atleta, agora o Fabuloso??? Só se for exemplo de “Como ganhar salário milionário de continuar deixando seu time na mão”. É piada!!!!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*