Lugano vê falta de sorte do Tricolor e Denis nega falhas nos gols do Audax

O zagueiro Diego Lugano discordou daqueles que viram um “baile” do Osasco Audax sobre o São Paulo, na noite deste domingo, no estádio José Liberatti. Para o uruguaio, o duelo mostrou um equilíbrio muito diferente do placar de 4 a 1 para os anfitriões, principalmente por causa das chances de gol perdidas pelo Tricolor. Na sua avaliação, o mais justo seria um empate no tempo normal.

“Não vejo esse vexame todo que estão comentando. Acho que as pessoas que analisam os resultados às vezes deviam ver com outros olhos. Hoje [domingo] acredito que foi um grande jogo dos dois times, era uma partida para ter terminado em 4 a 4 ou 5 a 5. Se você pegar para analisar, nós tivemos mais chances de gol do que o Audax” disse o defensor, atleta mais exaltado pela torcida são-paulina na saída do local do embate.

Atleta que falhou tanto no primeiro quanto no segundo gol dos osasquenses, Lugano reconheceu que o São Paulo não conseguiu acompanhar o ritmo do adversário, principalmente com a necessidade de buscar o resultado. “O time deles soube jogar o jogo, teve mais sorte na hora de fazer os gols e isso complicou para nós na hora de correr atrás. Sentimos um pouco pelo lado físico”, observou o jogador.

Titular após ficar no banco de reservas contra o River, o ídolo são-paulino viu falhas na montagem do elenco e reconheceu que, apesar do desejo de todos ser o do título, o São Paulo ainda não tinha condições de levantar uma taça em tão pouco tempo de trabalho.

“O São Paulo não está sobrando em nenhum aspecto, nem em quantidade nem em qualidade. Nosso elenco é muito curto. Nós só conseguimos fazer a partida que fizemos diante do River Plate porque tivemos uma semana inteira para descansar. Dessa vez, não foi assim, o time acabou sentindo bastante esse desgaste físico e fomos eliminados de forma justa pelo Audax”, completou.

Parceiro de Lugano na zaga central em Osasco, Rodrigo Caio descartou qualquer relação com problemas físicos no desempenho são-paulino. Para o jogador, a equipe anfitriã na noite deste domingo soube desenvolver seu estilo de jogo e envolveu completamente os comandados de Edgardo Bauza.

“É um time muito bem treinado. Não digo que é melhor treinado que o nosso, mas é muito bom. Não tem nada a ver o jogo que fizemos com o River em relação a esse aqui. Nós não perdemos por causa do físico ou qualquer outra coisa. Nós perdemos na bola mesmo”, analisou o beque oriundo de Cotia.

O goleiro Denis, que negou ter falhado em qualquer um dos gols do rival, disse que não há explicação para os quatro tentos do Audax. “Foi vergonhosa a nossa derrota, mas na quarta-feira o time jogou muito. Quem quiser achar problema, vai achar, ainda mais no goleiro de um time que toma quatro gols. Mas eu não ligo para isso daí não”, encerrou o arqueiro.

 

Fonte: Gazeta Esportiva

Nota do PP: mas eu não acho que Denis tenha falhado nos gols. Ele não teve culpa nenhuma. O problema é que ele é uma espécie de “chama gol”.

7 comentários em “Lugano vê falta de sorte do Tricolor e Denis nega falhas nos gols do Audax

  1. Desde que a torcida começou uma campanha para a volta do Lugano vinha me posicionando contra essa loucura. Ele não serviu pra ninguém, exceto o time do Paraguai, cujo campeonato e nível dos times é fraquíssimo. O Murici não o quis; o Osorio idem; mas parte da torcida tricolor, que não entende de futebol, vivia gritando seu nome nas arquibancadas, como garotinhas gritam pelo nome de seus ídolos adolescentes. Os idiotas da diretoria que, inclusive, contrataram, a peso de ouro, um “profissional” para análise de desempenho, ao invés de ignorar o movimento dos torcedores que, para piorar, teve apoio até do Rogério Ceni, mestre em proteger seus amigos no SP, acabaram contratando-o com um salário monstruoso, quando, meses antes, segundo noticiado na imprensa, ele tinha se oferecido para jogar sem salário, só com o faturamento de eventos promocionais.
    Agora vai ser mais um pendurado na folha do SP, com sua presença pressionando o treinador que acaba por escala-lo para não ser criticado por essa torcida desavisada. E o resultado em campo é o que temos visto em todos os jogos em que o Lugano jogou…

  2. Lugano e Denis em que mundo vc estao, pior cego é aquele que nao quer ver.
    Foi um baile sim, e ja era previsto sabiamos como eles jogavam e fizemos muito pouco para impedir isso.
    E Denis vc fez defesas importantes, que foi falha no gol que tomou por cobertura, em um lançamento longo que vc saiu de novo errado, se fosse para sair que saisse para interceptar a bola lançada e que dava para fazer, e nao sair e ficar quase na risca da pequena area e tomou por cobertura, foi falha sim, alias nao aprendeu nada nos anos que esteve na reserva do Rogerio, rogerio tinha essa deficiencia e vc herdou ate os mesmos erros do rogerio, nem pra isso vc aprende a fazer, é so treinar que vc aprende.
    E quinta feira seremos eliminado da libertadores e o primeiro semestre estara perdido, ja que o brasileirao so começa em maio, e sera que Bauza continua para mais um vexame de 2016, sermos rebaixados?

  3. O Dênis, além de um goleiro ridículo…sem condições de vestir a nossa camisa, para piorar, mantém-se com uma soberba irritante. A humildade passou longe da casa dele. Fora Dênis!

  4. O Dênis, além de um goleiro ridículo…sem condições de vestir a nossa camisa, para piorar mantém-se com uma soberba irritante. A humildade passou longe da casa dele. Fora Dênis!

  5. é lugano falta sorte, falta futebol, falta jogador, falta treinador, falta tudo.
    e seu lugano foi um baile, por sorte nao levamos 5, 6, 7 isso sim foi sorte.
    quinta feira so um milagre nos salva de mais uma derrota

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*